Ensino superior

Dilma anuncia criação da Universidade Federal do Araguaia com sede em Araguaína e Tocantinópolis

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

09/05/2016 09h35 - Atualizado há 1 ano
A presidente Dilma Rousseff anunciou a criação da segunda Universidade Federal no Tocantins. O decreto presidencial que cria a Universidade Federal do Araguaia deve ser editado no início dessa semana. O anúncio da presidente ocorreu no último sábado (07/05) em Palmas. Com a criação, os campi da federal de Araguaína e Tocantinópolis deixam de ser UFT e passam a receber a sede da nova instituição. Com isso, as decisões serão descentralizadas de Palmas e a previsão é de criação de novos cursos. Em seu discurso, Dilma ressaltou que “a educação é tão ou mais importante que a ferrovia e estrada”. Pra ela, a nova instituição dever servir para dar instrumentos de crescimentos para os moradores dessa região. O atual reitor da UFT, Márcio Silveira, disse, por meio de rede social, que está preocupado com a situação orçamentária e financeira da UFT. “Esta é uma decisão governamental e que envolve políticos do Tocantins que estão à frente dessa proposta", disse. Márcio ainda lembrou de seu Estado, Minas Gerais, que tem sete Universidades Federais. “Portanto, não vejo problema para criação de mais federais”, disse. Ele acrescentou que é preciso repactuar as dívidas. “Deixei bem claro que para esta criação é necessário que seja repactuado de forma urgente todas as nossas dívidas e despesas correntes. Precisamos retornar urgentemente as obras paralisadas (bibliotecas em cada campus, salas de aula, complexo de laboratórios, e os planos diretores de cada Campus Universitário)”, afirmou.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.