Pandemia

Em novo decreto, cidade turística anuncia blitz e barreira sanitária no norte do Tocantins

O decreto valerá até o dia 20 de junho.

Por Redação 2.834
Comentários (0)

11/06/2021 08h59 - Atualizado há 1 semana
Babaçulândia atrai muitas pessoas nos feriados e finais de semana

Um novo decreto publicado pela Prefeitura de Babaçulândia, no norte do Tocantins, prevê a realização de blitzen e a instalação de barreiras sanitárias como medidas para evitar o avanço da covid-19. O município é administrado por Franciel de Brito Gomes.

Babaçulândia fica às margens do rio Tocantins e é bastante procurada por turistas nessa época de praia. A cidade possui 739 casos confirmados de covid-19 e 5 óbitos, segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgados até a manhã desta sexta-feira (11).

O decreto com as medidas foi editado nesta quinta-feira (10) e valerá até o dia 20 de junho. Ele aponta que as barreiras sanitárias serão instaladas aos finais de semana, feriados e pontos facultativos, conforme a necessidade.

Já as blitzen funcionarão de forma preventiva e serão compostas por profissionais que atuam na saúde pública, vigilância sanitária e outros seguimentos a serem designados pelo secretário Municipal de Saúde.

Os integrantes realizarão visitas in loco em estabelecimentos comerciais, entradas de órgãos públicos e privados, regiões com potencial de riso de aglomeração, tais como orla, lago, praia, praças, povoados e outros, para aferir a temperatura.

Além dessas medidas, o horário de funcionamento dos estabelecimentos comerciais e templos de qualquer culto deve ser da seguinte forma:

- Segunda a sexta-feira, sábados, domingos e feriados: das 07h às 22h;

- Os serviços na forma delivery podem funcionar até meia-noite.

Permanecem suspensos

- As aulas presencias nas escolas públicas municipais e centros municipais de educação infantil por tempo indeterminado;

- A realização de eventos, festas e confraternizações de qualquer natureza em toda a circunscrição do município pelo prazo de 30 dias;

- O embarque e desembarque nas rampas de acesso ao lago, de lanchas, jet-skis e similares pelo prazo de 10 dias;

- Atividades esportivas em geral poderão ser realizadas sem a presença de público.

O decreto completo está disponível aqui.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.