Protesto

População interdita TO-222 por falta d'água e exige fim de contrato com ATS em Aragominas

As escolas municipais dispensaram os alunos até a normalização do serviço.

Por Redação 836
Comentários (0)

07/11/2019 14h31 - Atualizado há 1 semana
Moradores protestam em Aragominas (TO)

Dezenas de moradores de Aragominas, norte do Estado, interditaram por cerca de uma hora a principal rodovia na região, a TO-222, em protesto devido à falta de água na cidade há vários dias. A responsável pelo abastecimento é a Agência Tocantinense de Saneamento (ATS).

Segundo os manifestantes, o problema é recorrente e a empresa não dá nenhuma resposta ou solução duradoura. Por isso, os moradores estão exigindo da prefeita Eliete Alves (PP) a rescisão contratual com a ATS e contratação de outra empresa. "A gente paga R$ 42 mesmo sem usar a água e ainda passamos por isso", disse uma moradora.

Com a rodovia interditada, formou-se uma longa fila de veículos. Segundo os manifestantes, a cidade vem sofrendo com a falta d'água há mais de 40 dias. "Chega de madrugada e acaba pela manhã. Um transtorno enorme. Ninguém aguenta isso.  Não dão explicação, ninguém sabe de nada, é terrível! As contas estão vindo acumuladas, a água chega toda suja e os hidrômetros passando só ar. Está complicado”, disse Robson Rezende.

As escolas municipais dispensaram os alunos e o colégio estadual reduziu o horário de aula. Uma equipe da ATS está na cidade.

O que diz a ATS

"A Agência Tocantinense de Saneamento (ATS) informa que realizou serviços de manutenção nos Poços Tubulares Profundos (PTP's) e melhorias no sistema de bombeamento de Aragominas. Um novo PTP está sendo ativado nesta quinta-feira, 7, a fim de aumentar a produção e assim solucionar os problemas de abastecimento na parte alta da cidade". 

Interdição da rodovia durou cerca de uma hora

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.