Resultado das urnas

Wagner vence eleição para prefeito de Araguaína com mais de 50% dos votos válidos

Wagner tem 44 anos e possui vasta experiência na área de gestão pública.

Por Conteúdo AF Notícias 2.036
Comentários (0)

15/11/2020 22h53 - Atualizado há 4 meses
Wagner Rodrigues e Marcus Marcelo

Wagner Rodrigues, do Solidariedade, será o novo prefeito de Araguaína a partir de 1º de janeiro de 2021. O favoritismo apontado nas pesquisas eleitorais divulgadas pelo AF Notícias e pela Fieto foi confirmado nas urnas neste domingo (15). 

Wagner obteve 39.735 votos (50,87% dos válidos). O segundo colocado, Elenil da Penha (MDB), recebeu 29.094 votos (37,25%). Hugo Mendes (PRTB) saiu com 5.985 votos (7,66%) e Leador Machado (PT), 3.297 (4,22%).

Ao comemorar a vitória, Wagner reafirmou todos os compromissos firmados durante a campanha eleitoral, dando continuidade a todas as obras iniciadas na gestão de Ronaldo Dimas, além de outros projetos importantes como a implantação de novos parques urbanos, Via Norte, pavimentação asfáltica de pelo menos 20 bairros; construção de mais 3 mil casas populares, dentres outros. 

O prefeito eleito também assegurou que sua gestão dará atenção especial aos pequenos produtores rurais, microempreendores, mototaxistas e feirantes.  

Wagner terá mais de R$ 400 milhões já garantidos para investimentos nos próximos anos. Maior parte é proveniente de um empréstimo internacional de US$ 55 milhões (R$ 295 milhões) para o desenvolvimento do projeto Águas de Araguaína, que vai unir preservação de meio ambiente, protegendo todos os córregos e rios da cidade, com grandes obras de infraestrutura.

BIOGRAFIA

Wagner Rodrigues tem 44 anos, professor normalista formado pela Unitins, possui vários cursos na área de Orçamento e Gestão Pública, foi secretário-chefe de Gabinete da Prefeitura de Araguaína, trabalhou com Dimas na Fieto (Federação da Indústria do Tocantins) e na Câmara dos Deputados, em Brasília, onde possui trânsito livre em vários gabinetes e Ministérios do Governo Federal. Foi a primeira vez que ele disputou um cargo eletivo. 

O vice-prefeito eleito, Marcus Marcelo, 47  anos, é médico veterinário, servidor de carreira do Estado na área da educação, vereador pelo segundo mandato, suplente de deputado estadual. Marcus presidiu a Câmara Municipal de Araguaína por três vezes.

CONHEÇA MAIS O NOVO PREFEITO

Wagner Rodrigues é tocantinense de Formoso do Araguaia. Veio para Araguaína ainda em 1999, quando assumiu a coordenação regional da área de negócios do Sistema Federação das Indústrias do Tocantins (Fieto).

Técnico em Informática pela Microsoft, foi instrutor do Senai, graduado em Normal Superior pela Universidade do Tocantins (Unitins/Educon), especializado em Marketing de Negócios pela Escola Superior de Propaganda e Marketing, com vasta experiência em captação de recursos pelo Centro de Formação da Câmara dos Deputados (Cefor), foi assessor parlamentar por 10 anos, com livre acesso junto a ministérios e ao Congresso Nacional. Foi secretário-chefe de Gabinete da gestão Dimas de 2013 a 2020. É presidente do Solidariedade Araguaína.

Vindo de uma família humilde, Wagner morou, dos 7 aos 14 anos, em casa de palha e de pau a pique, numa região quase isolada na cooperativa da Companhia Brasileira de Projetos e Empreendimentos (Cobrape).

Aos 16 anos, mudou-se com a família para a cidade de Formoso do Araguaia, onde morou por 10 meses. Sem renda fixa, Wagner e os irmãos faziam carregamento de tijolos em caminhões para ajudar na renda da casa. Em uma situação difícil, a irmã mais velha, que passou a trabalhar em Gurupi, levou a família para morar com ela, quando Wagner trabalhou como office boy na Universidade Estadual do Tocantins (Unitins).

Após seis meses trabalhando na faculdade, já era digitador e, logo depois, aos 18 anos, foi instrutor de informática no Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) após passar no seletivo da unidade. Foi quando conheceu o então presidente do Sistema da Federação das Indústrias do Tocantins (Fieto), Ronaldo Dimas

De 1999 a 2002, Wagner morou em Araguaína, onde era o responsável pelas parcerias com uma média 60 municípios da região. Wagner se tornou conhecido e respeitado ao fechar negócios, inclusive na zona rural. Construiu uma relação de proximidade que tornou o Sesi/Senai bastante renomado na região.

Quando Dimas se candidatou a deputado federal,  Wagner se tornou o seu representante na região, por ser bastante conhecido. Com a eleição de Dimas, Wagner foi para Brasília, se tornando “um peregrino” em palestras e cursos de gestão pública. Construiu amizade com muitos profissionais que o ajudaram a aprender e conhecer os caminhos para a captação de recursos. Trabalhou com gestão e ajudava 60 municípios na aprovação de projetos por meio de uma equipe técnica. Ao fim do mandato de Dimas e seu retorno ao Tocantins, Wagner ficou em Brasília e se tornou referência na captação de recursos para outras equipes técnicas de vários deputados.

Em 2013, foi convidado pelo prefeito Dimas para compor a equipe de gestão da prefeitura. E voltou à cidade. Para Wagner, voltar a Araguaína significou voltar para a sua gente, para as pescas, para o futebol e para os amigos, uma oportunidade de morar na cidade em que aprendeu a amar pelo vínculo forte que criou com todos.

Foi em Araguaína que casou com Ana Paula e teve dois de seus três filhos. Hoje Wagner congrega na Igreja Pentecostal A Glória de Deus às quartas e sextas-feiras.

Aos fins de semana, a grande paixão pela pesca o leva frequentemente aos rios Araguaia e Javaé, onde relembra da sua infância com os índios. Além da pesca, jogar descalço com sua turma do futebol, sinuca e acampar em praias de rio são seus lazeres prediletos. Wagner também aprecia o prato típico da região, o chambari, sua comida preferida.

Wagner Rodrigues tem 44 anos

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.