Convocação de Agimiro Costa é rejeita na AL; MPE será acionado para apurar compras milionárias de cestas básicas

Por Redação AF
Comentários (0)

12/06/2013 11h25 - Atualizado há 1 semana
<div style="text-align: justify;"> <span style="font-size:14px;"><u><strong>Arnaldo Filho</strong></u><br /> <em>Portal AF Not&iacute;cias</em><br /> <br /> Por 8 votos a 5, os deputados estaduais da base siqueirista rejeitaram o pedido de convoca&ccedil;&atilde;o do Secret&aacute;rio de Trabalho e Assist&ecirc;ncia Social, Agimiro Costa, para prestar esclarecimentos sobre a aquisi&ccedil;&atilde;o de mais de 265 mil cestas b&aacute;sicas totalizando um gasto superior a R$ 17 milh&otilde;es em poucos mais de dois anos.<br /> <br /> O requerimento foi apresentado ontem (11) em regime de urg&ecirc;ncia pelo deputado Manoel Queiroz (PPS), mas foi rejeitado na sess&atilde;o matutina de hoje (12).<br /> <br /> Em sua p&aacute;gina pessoal, o parlamentar disse que s&oacute; resta agora formalizar a den&uacute;ncia ao Minist&eacute;rio P&uacute;blico Estadual e sugeriu que o Governo afaste o secret&aacute;rio do cargo at&eacute; o fim da apura&ccedil;&atilde;o das den&uacute;ncias.&nbsp;<br /> <br /> O requerimento questionava a quantidade de cestas que foram entregues do total adquirido; o n&uacute;mero estocado, bem como quem as recebeu e quais os crit&eacute;rios de sele&ccedil;&atilde;o das fam&iacute;lias beneficiadas.<br /> <br /> No momento da vota&ccedil;&atilde;o, os deputados do Partido dos Trabalhadores (PT) estavam fora do plen&aacute;rio e, Arag&atilde;o e Freire Jr faltaram &agrave; sess&atilde;o, fato que permitiu com que o requerimento fosse rejeitado pelos governistas.<br /> <br /> Votaram pela convoca&ccedil;&atilde;o do secret&aacute;rio Agimiro Costa os parlamentares Marcelo L&eacute;lis (PV), Luana Ribeiro (PR), Manoel Queiroz (PPS), Eli Borges e Valderlei Barbosa.<br /> <br /> Segundo o deputado Manoel Queiroz a aquisi&ccedil;&atilde;o de 40 mil cestas b&aacute;sicas n&atilde;o se justifica j&aacute; que a Setas implantou recentemente o cart&atilde;o <em>&ldquo;Tocantins sem Fome&rdquo;</em> com a finalidade de substituir a distribui&ccedil;&atilde;o de cestas e permitir que o cidad&atilde;o compre os alimentos na sua pr&oacute;pria cidade.<br /> <br /> <u><strong>Mais cestas</strong></u><br /> <br /> Est&aacute; em fase de finaliza&ccedil;&atilde;o o processo licitat&oacute;rio (n&ordm; 041/2013 de 15 de maio) para aquisi&ccedil;&atilde;o de 40 mil cestas b&aacute;sicas que ser&atilde;o estocadas para atender fam&iacute;lias castigadas pelas enchentes e secas na regi&atilde;o sudeste do Tocantins, segundo a Setas.<br /> <br /> Todas as cestas foram fornecidas pela empresa&nbsp;</span><span style="font-size: 14px;">Stalim e Oliveira Ltda (Atacado Meio a Meio).</span></div>
ASSUNTOS

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.