No Estado

Detentos vão trabalhar em fábricas de blocos e artefatos de concreto no Tocantins

Uma das fábricas será inaugurada no Centro de Formação e Produção do Trabalho Prisional, em Palmas.

Por Redação 1.650
Comentários (0)

08/11/2018 13h33 - Atualizado há 5 dias
Presos sendo capacitados

A Secretaria Estadual da Cidadania e Justiça (Seciju) irá inaugurar nesta sexta-feira (09) uma Fábrica de Blocos e Artefatos de Concreto para os reeducandos do regime semiaberto e egressos.

A fábrica fica no Centro de Formação e Produção do Trabalho Prisional, onde funciona também o Núcleo de Apoio ao Egresso, em Palmas.    

A iniciativa é da Gerência de Reintegração Social, Trabalho e Renda do Preso e do Egresso da Seciju, juntamente com o Departamento Penitenciário Nacional (Depen) e com recursos oriundos do Governo Federal.

Na fábrica, os reeducandos do Sistema Prisional e os egressos participam de curso teórico e prático, são certificados, e saem prontos para o mercado de trabalho, inclusive com encaminhamentos.

A primeira turma iniciou as aulas no último dia 5, ministradas das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas, e contam com a participação de 20 detentos.

O intuito do projeto é ofertar formação, qualificação profissional, empregabilidade e renda para pessoas do regime semiaberto e egressos. Serão inicialmente três turmas, a primeira já iniciou o curso e as outras duas começarão dia 12”, explicou o gerente de Reintegração Social, Trabalho e Renda do Preso e do Egresso, Ricardo Araújo Coelho

O curso tem carga horária de 57h/aulas e os reeducandos aprendem sobre matéria prima e o impacto desta na qualidade do produto.

Conforme o monitor do curso, João Inácio Ferreira Júnior, os reeducandos têm muito interesse em aprender. “Aqui todos são muito inteligentes e dedicados, alguns estão cursando nível superior e estão muito dispostos a aprender o que está sendo repassado”, destacou.

Para o reeducando J.C.S, o curso é um caminho para ressocialização, através do trabalho. “O curso é muito efetivo e está ampliando o nosso conhecimento e nos profissionalizando. Queremos, com isso, retornar à sociedade sem sermos oprimidos”, enfatizou.

 A fábrica 

A Fábrica de Blocos e Artefatos de Concreto do Centro de Formação e Produção do Trabalho Prisional, em Palmas, é a segunda a ser entregue pela Seciju.

Já foi inaugurada também a da Casa de Prisão Provisória (CPP) de Paraíso do Tocantins. Ao todo serão oito fábricas em unidades distintas entregues até julho de 2019.

Fábrica de Blocos e Artefatos de Concreto

Comentários (0)

Mais Notícias

Eleições OAB-TO

Célio percorre o Bico do Papagaio e promete ampliar estrutura da OAB na região

Candidato citou como prioridade a construção da sede própria da OAB em Araguatins.

Qualificação no campo

Alunos recebem capacitação de inclusão digital ofertada pelo Senar em Dueré

A capacitação é ministrada na Unidade Móvel e está dividida em 3 turmas.

Aniversário de 60 anos

Com Laurez em Gurupi, Carlesse fala em 'esquecer vaidades e trabalhar juntos'

A fala do governador foi durante assinatura de uma ordem de serviço para reforma de um ginásio.

Porto Nacional

Curso de Doma Racional é realizado durante a ExpoNacional através do Senar

Os alunos aprendem sobre o comportamento do animal, o perfil do domador e equipamentos utilizados.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.