Sem aglomeração

Governo orienta sobre prazo de saque do Bolsa Família e suspensão de atualização cadastral

Iniciativas visam evitar a aglomeração de pessoas por causa da pandemia.

Por Redação 855
Comentários (0)

30/07/2020 08h33 - Atualizado há 1 ano
Cartão do Bolsa Família

O Governo do Tocantins informa e orienta beneficiários sobre a prorrogação do prazo de saque do benefício Bolsa Família (BPF) e da suspensão dos processos de atualização do Bolsa Família e Cadastro Único (CadÚnico).

As iniciativas visam evitar a aglomeração de beneficiários nesse período de pandemia.

Benefício Bolsa Família

Sobre a prorrogação do prazo de saque do Bolsa Família, o ato foi oficializado pela Portaria nº 444, publicada na sexta-feira, 24 de julho, no Diário Oficial da União. Com a portaria, o prazo se estende até o fim do período de emergência em saúde pública.

De acordo com a coordenadora do Bolsa Família na Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas), Carmem Vendramini, segundo o atual decreto, a validade da parcela foi ampliada para 270 dias para os benefícios do Bolsa Família gerados até dezembro.

“Existe um prazo para o saque do benefício, que é suspenso quando não realizado. Com a portaria, toda família beneficiária do programa que solicitar o recebimento do benefício nesse novo prazo terá o benefício disponível dentro do novo período disponibilizado para saque”, orientou.

Segundo a coordenadora estadual do programa, 118.998 famílias são beneficiárias do Bolsa Família no Tocantins.

Atualizações cadastrais

Sobre a suspensão dos processos de atualização do Bolsa Família e Cadastro Único (CadÚnico), por mais 180 dias, a coordenadora esclarece que os processos que foram suspensos, temporariamente, são os de atualização e averiguação realizados anualmente. E explicou que os municípios podem fazer os cadastros de atualização e inclusão de famílias no Cadastro Único para os beneficiários que precisam.

A inserção de famílias no Cadastro Único pode continuar sendo feita normalmente, de forma presencial ou por telefone, de acordo com a portaria que regulamenta o funcionamento destes programas em cada município, nesse período de pandemia”, esclareceu.

A decisão da suspensão dos processos de atualização e averiguação dos programas, realizados anualmente, foi publicada na segunda-feira, 20 de julho, através de portaria no Diário Oficial da União.

Cadastro Único

É um banco de dados sobre as famílias brasileiras em situação de pobreza e extrema pobreza e funciona como um sistema de mapeamento para que o Governo Federal, os estados e municípios saibam quais as políticas públicas necessárias para promover a melhoria da vida dessas famílias.  

No Tocantins, o programa conta com mais de 292.146 cadastrados e é a principal porta de entrada para a maioria dos programas sociais do país, incluindo o Bolsa Família.  

Bolsa Família

É o programa de renda mais conhecido do país. Ele é destinado a famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza (renda mensal entre R$ 89,01 e R$ 178,00 por pessoa). 

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.