Itacajá

Jovem suspeito de divulgar vídeo íntimo de adolescente após fim de namoro tem celular apreendido

Ele foi conduzido à delegacia e deve ser denunciado pelo crime.

Por Redação 1.322
Comentários (0)

27/11/2020 15h57 - Atualizado há 1 mês
Vídeo ainda foi encontrado no celular

A Polícia Civil cumpriu na manhã desta sexta-feira (27) mandado de busca e apreensão na residência de um jovem de 19 anos suspeito de divulgar um vídeo íntimo da ex-namorada, que é adolescente. O caso foi registrado em Itacajá.

Na ocasião, os agentes localizaram e apreenderam o aparelho celular do jovem que teria sido utilizado para a divulgação do vídeo.

Conforme o delegado Andreson Alves, as investigações em torno do fato começaram logo após a vítima registrar um boletim de ocorrência relatando que o ex-namorado havia publicado vídeo íntimo dela depois do término do relacionamento dos dois.

Além da apreensão, o suspeito também foi conduzido à delegacia e acabou confessando que publicou o vídeo íntimo gravado quando estava namorando com a vítima.

Segundo a polícia, o vídeo divulgado pelo jovem ainda foi encontrado no aparelho celular apreendido.

O delegado ressaltou que as investigações serão intensificadas, e o jovem será indiciado formalmente pelo crime previsto no Artigo 241-A, do Estatuto da Criança e do Adolescente, que tipifica a conduta de disponibilizar, transmitir ou divulgar vídeos ou fotografias contendo pornografia envolvendo criança ou adolescente. 

Na oportunidade, o delegado Andreson Alves também alertou quanto às consequências desse tipo de crime, já que a pena máxima pode chegar a seis anos de prisão.

“É importante que as pessoas que forem vítimas desse tipo de crime procurem a delegacia de Polícia Civil mais próxima de sua residência e faça o registro da ocorrência, pois assim é possível dar início às investigações e identificar o autor ou autores”, frisou.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.