MPE investiga situação precária do Hospital Público de Colinas

Por Redação AF
Comentários (0)

20/06/2013 09h15 - Atualizado há 1 mês
<div style="text-align: justify;"> <span style="font-size:14px;">O Minist&eacute;rio P&uacute;blico Estadual (MPE), por meio da 2&ordf; Promotoria de Justi&ccedil;a de Colinas do Tocantins, instaurou nesta quarta-feira, 19, procedimento investigat&oacute;rio preliminar para apurar o estado ca&oacute;tico do Hospital Municipal de Colinas, situa&ccedil;&atilde;o denunciada pelos ve&iacute;culos de imprensa nos &uacute;ltimos meses.<br /> <br /> Na Portaria, o Promotor de Justi&ccedil;a Guilherme Goseling Ara&uacute;jo solicita o apoio do Centro de Apoio Operacional &agrave;s Promotorias de Justi&ccedil;a da Cidadania para que seja feita auditoria na Unidade de Sa&uacute;de.<br /> <br /> Caber&aacute; &agrave; diretoria do hospital o encaminhamento da rela&ccedil;&atilde;o completa de todos os m&eacute;dicos e enfermeiros, relatando suas especialidades e os hor&aacute;rios em que os mesmos atendem. Goseling oficiou tamb&eacute;m o Delegado Regional de Pol&iacute;cia e as Promotorias Criminais da Comarca para que informem a ocorr&ecirc;ncia de registro de investiga&ccedil;&atilde;o decorrente de erro m&eacute;dico ou defici&ecirc;ncia estrutural do hospital municipal.<br /> <br /> Ao fim da coleta de depoimentos, certid&otilde;es e realiza&ccedil;&atilde;o das per&iacute;cias, se comprovada a inefici&ecirc;ncia no atendimento, dever&aacute; ser ajuizada A&ccedil;&atilde;o Civil P&uacute;blica (ACP) para que sejam tomadas provid&ecirc;ncias quanto &agrave; reestrutura&ccedil;&atilde;o do hospital e penaliza&ccedil;&atilde;o dos respons&aacute;veis.</span></div>
ASSUNTOS

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.