Polícia Civil recupera produtos furtados em casa de advogado e prende dois por receptação

Agnaldo Araujo -
Foto: Divulgação
Suspeitos presos

Vítor Hugo Aires Gomes, de 20 anos, e Paulo César Barros Rodrigues, de 25 anos, foram presos por receptar produtos que haviam sido furtados na casa de um advogado em Paraíso do Tocantins. As prisões ocorreram nesta quinta-feira (14).

A Polícia Civil informou que os suspeitos estavam numa residência da cidade quando foram capturados. A casa do advogado foi furtada no dia 12 de dezembro de 2017, no centro de Paraíso.

Conforme os delegados Paulo Henrique Gomes Mendes e José Lucas Melo da Silva, responsáveis pela ação, os policiais chegaram até o local após receberem denúncia anônima. Foram encontrados na casa um aparelho de televisão de 42 polegadas, um notebook, seis relógios, dois pares de tênis, três aparelhos celulares e diversas peças de roupas.

Diante dos fatos, os dois suspeitos foram conduzidos à central de flagrantes e recolhidos à carceragem da Casa de Prisão Provisória de Paraíso após as providências legais cabíveis.

Os autores do furto já foram identificados, mas não tiveram os nomes divulgados para não atrapalhar as investigações. O nome do advogado também não foi informado pela polícia.

Comentários pelo Facebook: