Correção salarial

Câmara de Araguaína aprova data-base de 5% para servidores efetivos do Poder Legislativo

O projeto foi aprovado por unanimidade pelos parlamentares.

Por Márcia Costa 650
Comentários (0)

09/06/2021 06h59 - Atualizado há 11 meses
Sessão na Câmara Municipal de Araguaína

O plenário da Câmara Muncipal de Araguaína aprovou, nesta terça-feira (8), o projeto de resolução nº 003 de autoria da Mesa Diretora, que concede correção ao salário-base dos servidores efetivos da Casa de Leis.

De acordo com a proposta, o subsídio dos servidores terá correção salarial de 5%, percentual referente ao índice da inflação apurada nos últimos 12 meses. O acréscimo é relativo à data-base do ano de 2021, ou seja, a revisão geral anual que é dada no mês de fevereiro. A data-base está prevista na Constituição Federal.

“Essa é uma conquista dos servidores. Em reunião com o Sindicato dos Servidores e a Mesa Diretora chegamos ao entendimento desses 5% de data-base. A Câmara tem um quadro de servidores que fazem trabalho de qualidade, e essa correção salarial é direito deles, que visa apenas repor as perdas inflacionárias. Não é aumento! Somos referência para várias Câmaras do Tocantins e tentamos fazer o máximo possível com transferência para os demais órgãos e a população", disse o vereador e presidente da Câmara, Gideon Soares. 

O projeto foi aprovado por unanimidade pelos parlamentares.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.