Atuação parlamentar

Marcus Marcelo pede convênio para evitar fechamento de ONG que atende animais em Araguaína

Requerimento pede que o Naturatins faça convênio para ajudar na manutenção do Instituto Cerrado

Por Redação
Comentários (0)

29/05/2024 10h42 - Atualizado há 2 semanas
Gato selvagem recolhido semana passada

Notícias do Tocantins - Quase 150 animais silvestres que precisam de serviços veterinários, acolhidos atualmente pelo Instituto Cerrado (ICER), em Araguaína, podem ficar sem atendimento. Para evitar que o local feche por falta de recursos, o deputado estadual Marcus Marcelo (PL) apresentou requerimento nessa terça-feira, 28, em caráter de urgência, para que o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) celebre convênio com a entidade e ajude na manutenção do local.

O ICER é uma ONG [Organização Não-Governamental] sem fins lucrativos e atualmente está com quase 150 animais em tratamento ou que não poderão retornar ao meio ambiente. Ao procurar o meu gabinete, a presidente do instituto, Adriana Carreira, relatou a necessidade de ajuda do poder público para dar continuidade neste trabalho que é feito por amor aos animais”, explicou o deputado.

A presidente também apresentou ao deputado os relatórios da entidade que é mantida com recurso próprio e recebe animais vítimas de traumas, tráfico e maus tratos diariamente, gerando gastos com medicação, alimentos e outros cuidados diários que devem ser realizados.

“Muitos dos animais acolhidos estão ameaçados de extinção, como é o caso de um gato selvagem recolhido semana passada pela entidade. E a maioria são entregues pelo Corpo de Bombeiros e pelo próprio Naturatins, que possui parceria em que técnicos e servidores conhecem e reconhecem o trabalho solitário e do instituto, despertando entre todos o interesse em sua manutenção, o que não será possível se não houver cooperação do Poder Executivo”, enfatizou o parlamentar.

Visita ao instituto

Após visita à sede do ICER, Marcus Marcelo conheceu o trabalho voluntário realizado com esses animais. Para o deputado, “o instituto é o único na região norte do Tocantins, o seu fechamento causaria um enorme prejuízo para os animais atendidos e que habitam na área dedicada ao seu funcionamento”.

Preservação do meio ambiente

O parlamentar ainda justificou que os serviços sociais prestados pelo instituto atendem o interesse público, já que recebe animais do Naturatins, um ente público de proteção do meio ambiente e conservação de recursos naturais.

O ICER atende animais há mais de três anos e desenvolve suas atividades na Estância Vitória, na Rua Padre Anchieta, no Bairro de Fátima, em Araguaína. A entidade já foi considerada de utilidade pública estadual em 2023, por meio da Lei nº 4.323, de autoria do deputado Marcus Marcelo.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.