Miracema

Vereadora recebe ameaça de morte em áudio após criticar gestão municipal

Por Redação AF
Comentários (0)

08/11/2017 11h09 - Atualizado há 1 semana
A vereadora de Miracema do Tocantins, Hadul de Carvalho Bucar Alencar, conhecida como Maria Bala (PSL), denunciou na tribuna da Câmara Municipal na última segunda-feira (06), ter sofrido ameaça de morte por alguém que parece 'não ter gostado das críticas construtivas feitas em desfavor da administração do prefeito Moisés Costa (PMDB)', segundo ela. A ameaça, conforme a parlamentar, foi enviada por meio de áudio com a seguinte mensagem: “Se tu bater no Moisés, tu morre”. O número utilizado para mandar o áudio pertence à operadora Oi e o autor da mensagem não pôde ser identificado. A sessão em que a parlamentar apresentou a denúncia foi tomada por silêncio e indignação. Vereadores, servidores da Câmara e comunidade local se solidarizaram com a situação. Maria Bala está no 6º mandato como vereadora na cidade. Ela acredita que a ameaça seja uma reação às suas críticas à administração de Miracema. A parlamentar denunciou o estado precário da van que transporta pacientes de hemodiálise para Palmas e cobrou a documentação das emendas parlamentares do deputado Júnior Evangelista (PSC) destinadas à gestão municipal. Na sessão, a vereadora se exaltou e chamou o mensageiro de ‘frouxo’ e ordenou que ele 'seja homem e se identifique'. Maria Bala também disse na tribuna que já registrou Boletim de Ocorrência, foi ao Ministério Público e à Policia Federal apresentando o áudio. Não intimidada pela ameaça, a parlamentar ressaltou ainda que fará outras denúncias na Casa de Leis assim que tiver provas. “Não falei de finanças e só vou falar quando tiver provas e na hora que tiver vou falar nessa tribuna”, afirmou Maria Bala. Com informações do Mira Jornal.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.