Tocantins

Crimes administrativos levam ex-prefeito com 68 anos à prisão no Tocantins

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

31/10/2017 08h44 - Atualizado há 1 mês
O ex-prefeito de Aliança do Tocantins, Valter Araujo Rodrigues, de 68 anos, foi preso por praticar crimes administrativos previstos no Decreto Lei 201/67. A prisão ocorreu na tarde desta segunda-feira (30). O decreto proíbe o gestor público de apropriar-se de bens públicos, desviar verbas públicas, deixar de prestar contas anuais, antecipar ou inverter a ordem de pagamento a credores do Município, ordenar ou efetuar despesas não autorizadas por lei, entre outros. Valter Araujo estava em Palmas quando foi capturado por policias civis da Delegacia Interestadual de Polinter e Capturas, coordenados pela delegada de polícia Suraia Carvalho Vilela. Conforme a delegada Suraia, uma equipe da Polinter deu início às diligências após receber informações de que o ex-prefeito estaria em Palmas, sendo que foi possível localizá-lo e efetuar sua prisão. O ex-gestor utilizou meios criminosos por três vezes, segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP). Ele foi capturado, mediante cumprimento de mandado de prisão expedido pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Gurupi. Após ser preso, o ex-prefeito foi conduzido à sede da Polinter, onde a ordem judicial foi cumprida. Valter foi encaminhado à Casa de Prisão Provisória de Palmas (CPPP) para as providências cabíveis, uma vez que sua pena deve ser cumprida em regime semiaberto.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.