Latrocínio

DEIC prende suspeito de atirar na cabeça de empresário em Araguaína

Por Redação AF
Comentários (0)

29/11/2016 08h12 - Atualizado há 1 semana
Policiais da equipe da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (DEIC) de Araguaína efetuaram a prisão de Thallyson Nunes e Silva, 20 anos, suspeito de atirar na cabeça do empresário Petrônio Feitosa de Castro, de 41 anos, durante uma tentativa de latrocínio, ocorrido no último dia 22 de novembro, no Conjunto Patrocínio. O crime chocou a população da cidade. Conforme o delegado José Anchieta de Menezes Filho, Thalysson já estava sendo investigado há alguns dias, como parte dos esforços para elucidar o crime. "Após um minucioso trabalho de investigação, conseguimos reunir fortes indícios da participação do Thallysson nesse crime, bem como, informações de que o mesmo estaria escondido em uma residência, localizada no Bairro JK”, disse o delegado. Ainda segundo o delegado, no momento da prisão do suspeito, os policiais civis encontraram na residência várias porções de drogas, assim como uma arma de fogo. Thallysson também já possuía um mandado de prisão em aberto da Comarca de Balsas - MA, pelo crime de homicídio qualificado. Na delegacia, a esposa do empresário Petrônio reconheceu o homem, não deixando nenhuma dúvida quanto ao seu envolvimento no crime. Thallysson foi atuado em flagrante por tráfico de drogas, posse de arma de fogo de uso permitido, além de responder pelo crime de latrocínio tentado. Após as providências cabíveis, Thallysson Nunes e Silva foi encaminhado à carceragem da Casa de Prisão Provisória de Araguaína, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário. Prisão do amigo por homicídio no Maranhão O amigo de Thalysson, identificado como Manoel Fernandes Batista da Silva, também foi preso em Araguaína. Ele estava internado no Hospital Regional há mais de um mês, onde recebeu voz de prisão. Manoel permanece hospitalizado com problemas de saúde. Os dois também cometeram um homicídio em Balsas (MA), no início de 2016. Eles chegaram a ser presos no mês de maio. Manoel tem várias passagens pela polícia em Araguaína por furto, roubo, porte de arma e outros. De acordo com informações, Thalysson e Manoel são ligados ao Primeiro Comando da Capital (PCC). O crime em Araguaína Segundo a Polícia Militar, dois criminosos invadiram a casa do empresário no setor Patrocínio no momento em que a mulher dele chegava. Ela teria sido rendida e obrigada a entrar na casa pelos assaltantes, que pediam dinheiro. No momento do crime, o proprietário estava deitado em um dos quartos quando foi surpreendido e baleado duas vezes, na cabeça e no braço. Os criminosos fugiram levando R$ 30 mil, além de uma caminhonete SW4 que foi encontrada pela PM em um loteamento às margens da BR-153. Já o empresário continua internado em estado grave no Hospital Regional de Araguaína (HRA).

Comentários (0)

Mais Notícias

Violência

Homem é executado a tiros enquanto andava de bicicleta pelas ruas de Araguaína

A polícia afirmou que o homem era usuário de drogas e morreu ainda no local onde foi alvejado pelos disparos.

Em Araguaína

Presos que simularam suicídio ao matar colega de cela são condenados a 20 anos

O crime ocorreu em novembro de 2014. Os condenados ainda tentaram simular que a vítima havia cometido suicídio.

Homicídio

Homem é executado a tiros no meio da rua no setor Planalto em Araguaína

A vítima seria conhecida como ‘Malaia’, mas ainda não teve a identidade confirmada.

Justiça

Homem que furtou dois desodorantes não responderá por crime no Tocantins

Os funcionários do supermercado perceberam a ação e perseguiram o suspeito.

Crime bárbaro

Pai e filho são carbonizados e mãe degolada na própria chácara no Tocantins

A polícia investiga se o caso é um homicídio ou latrocínio. O carro da família também foi queimado.

Jogo de sinuca

Aposta em bar termina em confusão e homem baleado na cabeça no norte do Estado

Os dois discutiram, o autor atirou na cabeça da vítima e tentou fugir, mas foi encontrado nas proximidades do bar.

Araguaína

Corpo de homem é encontrado com marcas de tiros em rua do Setor Presidente Lula

Profissionais do Samu foram acionados, mas apenas constataram o óbito.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.