Araguaína

Jovem é morto na frente da esposa devido a rivalidade entre facções criminosas

Após a execução, os criminosos saíram gritando "aqui é 15", frase que remete à facção PCC.

Por Márcia Costa 5.267
Comentários (0)

27/10/2018 06h54 - Atualizado há 1 ano
O homem morreu nomeio da rua

O jovem João Ricardo Araújo Barbosa, de 21 anos, foi assassinado enquanto caminhava com a esposa em Araguaína, no Setor Alto Bonito, na madrugada deste sábado (27).

A esposa de João relatou à polícia que dois homens se aproximaram deles numa motocicleta e efetuaram vários tiros.

João foi atingido inicialmente na perna, ainda conseguiu correr, mas os criminosos o perseguiram e dispararam mais um tiro fatal na cabeça.

A Polícia Militar suspeita que o crime ocorreu devido a briga entre facções criminosas. A esposa da vítima também relatou que, após a execução, os criminosos saíram comemorando e gritando "aqui é 15", frase referente à facção Primeiro Comando da Capital (PCC).

Segundo a polícia, João Ricardo tinha ficha criminal. O corpo dele foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Araguaína e a Polícia Civil investiga o caso.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.