Caso Fabrício Martins

Justiça manda a júri popular réu confesso da morte do estudante Fabrício Martins

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

19/10/2017 11h20 - Atualizado há 2 meses
O jovem Hiago Pereira da Silva, de 24 anos, foi pronunciado e será levado a júri popular pela morte do colega de trabalho Fabrício Martins, crime ocorrido em maio desse ano. A decisão foi proferida pela juíza Cirlene Maria de Assis Santos Oliveira, substituta da 1ª Vara Criminal de Araguaína. Ainda não há data para o julgamento. O MPE relata na denúncia que Hiago praticou um homicídio triplamente qualificado "por motivo fútil, mediante dissimulação e meio cruel", utilizando-se de uma faca para desferir vários golpes nas costas do estudante, "causando-lhe intenso e desnecessário sofrimento", acrescenta a decisão. Além disso, a promotoria afirma que o corpo foi ocultado debaixo de um bueiro e a moto da vítima abandonada longe da cena do crime. Por essa razão, a juíza também pronunciou Hiago pelos crimes de ocultação de cadáver e fraude processual. Hiago alega que estava sendo vítima de extorsão por ter filmado as partes íntimas de Fabrício por cima da parede do banheiro da empresa. Fabrício teria passado então a exigir R$ 4 mil para não denunciá-lo à direção. Contudo, Hiago não conseguiu o dinheiro. A magistrada diz que "é possível admitir que o fato [crime] possa ter ocorrido porque o acusado visava cessar exigência de indenização por parte da vítima, de modo que caberá ao tribunal do júri analisar a ocorrência ou não desse motivo". O CRIME Fabrício Martins desapareceu na noite do dia 19 de maio de 2017, quando completaria 24 anos, e sua motocicleta foi encontrada abandonada no dia seguinte numa rua do Setor Jardim Paulista. O corpo só foi localizado no dia 03 de junho em avançado estado de decomposição dentro do Córrego Canindé, próximo ao Parque Cimba. O autor do crime foi preso cinco dias depois e confessou à polícia. Segundo o acusado, um carrinho de mão foi usado para transportar o corpo de Fabrício. PADRASTO DE FABRÍCIO O padrasto de Fabrício Martins afirmou que, dois meses antes do crime, o jovem chegou a comentar com a própria mãe sobre uma pessoa que havia lhe filmado e que iria "denunciá-lo".  A mãe de Fabrício teria aconselhado a não fazer nada. IRMÃO DE FABRÍCIO Um irmão da vítima relatou que tinha ciência do problema pessoal entre Fabrício e Hiago, pois dois meses antes do crime ocorrer, ele tinha comentado que um colega de trabalho tinha feito filmagens de suas partes íntimas. Segundo o irmão, Fabrício afirmava que iria cobrar uma indenização por danos morais e que a vítima mantinha contato com o autor do crime por meio de redes sociais. Hiago teria criado um perfil falso só para enviar a Fabrício o vídeo que ele havia feito. Diante do episódio, Fabrício dizia que iria comunicar o caso ao departamento de Recursos Humanos do frigorífico onde os dois trabalhavam. No entanto, a vítima não cumpriu a promessa e passou a cobrar uma quantia em dinheiro para não entregar Hiago. O irmão do estudante morto afirmou ainda que a última conversa entre a vítima e o autor do crime ocorreu no dia do desaparecimento de Fabrício. Nela, Hiago afirmava que havia conseguido dinheiro para pagar Fabrício e que ele não precisava mais ir até o RH da empresa.  A quantia exigida na negociação era de R$ 4 mil.   http://afnoticias.com.br/estudante-universitario-desaparece-na-noite-do-aniversario-em-araguaina-familia-pede-ajuda/ http://afnoticias.com.br/corpo-encontrado-dentro-de-corrego-passara-por-exame-de-dna-mas-pode-ser-de-estudante-desaparecido/ http://afnoticias.com.br/policia-civil-prende-suspeito-de-matar-estudante-fabricio-martins-autor-e-vitima-trabalhavam-juntos-em-frigorifico/

Comentários (0)

Mais Notícias

Aragominas

Jovem que degolou homem bêbado causava pânico no norte do Estado, diz polícia

A vítima foi assassinada na segunda-feira (12) após passar o final de semana ingerindo bebida alcoólica.

Prisão

Sedutoras, mulheres pediam carona para roubar caminhoneiros no norte do Estado

As mulheres já são conhecidas pela prática criminosa e usam todas as artimanhas.

Araguaína

Homem é preso duas vezes tentando furtar o mesmo supermercado em Araguaína

Dois comparsas também foram presos em flagrante dando cobertura para o furto.

Aragominas

Homem é preso suspeito de aterrorizar e tentar estuprar mulheres no meio da rua

O suspeito disse à polícia que 'galanteava' as mulheres só quando estava bêbado.

Ressocialização

Detentos aprendem a fazer blocos de concreto na própria prisão e reduzem pena

Os artefatos, inicialmente, serão utilizados na melhoria da estrutura da unidade.

Em 2017

Homem é preso suspeito de matar o avô da esposa a pauladas após discussão

O crime teria sido motivado em razão de supostos maus-tratos que a bisneta estaria sofrendo.

Barra da Grota

Seciju tenta identificar celular utilizado para filmar homenagem a bandido morto

O vídeo mostra vários supostos integrantes do PCC reunidos no Presídio Barra da Grota em homenagem ao criminoso.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.