Caso Railane da Silva

Laudo aponta que adolescente de 16 anos foi morta com 52 facadas; suspeito é preso

Depois do crime, o suspeito fugiu para a zona rural do município de Grajaú (MA), onde foi capturado. 

Por Agnaldo Araujo 7.375
Comentários (0)

29/01/2019 14h42 - Atualizado há 5 anos
Sivanildo Sousa

Em menos de 24 horas, a Polícia Civil do Tocantins localizou e prendeu o principal suspeito de matar a adolescente Railane da Silva Oliveira, de 16 anos, com mais de 50 facadas. O crime ocorreu na cidade de Bandeirantes, no norte do Estado.

Segundo a polícia, Silvanildo Mariano de Souza Santos, de 22 anos, era namorado da vítima e, depois do crime, fugiu para a zona rural do município de Grajaú (MA), onde foi capturado. 

O corpo da jovem foi encontrado na manhã de segunda-feira (28) jogado em uma vala às margens da TO-230, perto da cidade.

Um laudo do Instituto Médico Legal apontou que Railane foi morta com 52 facadas na barriga, braços e pescoço, após uma discussão com o namorado. 

Conforme a Polícia Civil, Silvanildo Mariano será recambiado para a Cadeia de Arapoema. A faca usada no crime também foi apreendida. Segundo o delegado Marco Aurélio, ele responderá por homicídio doloso qualificado.

O cadáver da adolescente foi encontrado por um homem que fazia caminhada e avistou uma poça grande de sangue ao lado da pista na TO-230.

No local do crime também foi encontrado um capacete que, segundo a polícia, pertence a Silvanildo e que, possivelmente, foi utilizado para golpear Railane, pois estava danificado. 

Segundo informações de moradores, Silvanildo foi a última pessoa vista com a adolescente, mas desapareceu depois do crime e apagou sua conta no Facebook.

Railane da Silva

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.