Zona rural

Mãe é suspeita de deixar a própria filha ser abusada sexualmente em Araguaína

Operação apreendeu armas e munições.

Por Redação 2.958
Comentários (0)

22/01/2022 08h35 - Atualizado há 3 meses
Armas e munições apreendidas

Ao investigar um suposto sequestro de uma adolescente de 15 anos em Araguaína, a Polícia Civil descobriu que ela havia fugido de casa por ser ameaçada e sofrer abusos sexuais com o consentimento de sua mãe.

Na manhã desta sexta-feira (21), a 3ª Divisão de Combate ao Crime Organizado (3ª DEIC) deflagrou a operação denominada ‘Chaparral’ e apreendeu três armas de fogo de cano longo, 30 cartuchos de munições de calibres variados, pólvora, espoleta e chumbo.

A ação se deu em cumprimento a três mandados de busca e apreensão, sendo dois no assentamento Chaparral (zona rural de Araguaína) e um no bairro Lago Azul III (zona urbana).

De acordo com o delegado Jodvan Silva, as investigações tiveram início com o objetivo de esclarecer o suposto sequestro da adolescente.

Com a intensificação das investigações, os agentes localizaram a garota e descobriram que ela havia fugido de casa por ser ameaçada e sofrer abusos sexuais com o consentimento de sua mãe. Os fatos foram encaminhados à 2ª Delegacia Especializada de Atendimento à Vulneráveis para a devida apuração.

Ainda foi apurado que a mãe da adolescente mantinha um bar em sua propriedade rural, onde, supostamente, a adolescente chegou a ser oferecida sexualmente.

Também foi revelada a existência de armas de fogo e munições, as quais eram utilizadas para ameaçar a adolescente e seu pai, que reside em Colinas do Tocantins.

As três espingardas e munições foram apreendidas e levadas para a sede da 3ª DEIC. Segundo o delegado Jodvan, a apreensão das armas e munições inibe as ameaças e elimina o risco aos moradores da região, além de preservar a integridade física da adolescente e seu pai.

Também foram apreendidas pólvora, munições e espoletas

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.