No Tocantins

Mais de 200 PMs vão atuar para garantir segurança e sigilo das provas do ENEM

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

01/11/2017 11h34 - Atualizado há 1 semana
Mais de 200 policiais militares vão fazer a escolta das provas e segurança nas escolas de 30 municípios tocantinenses onde as provas do ENEM 2017 serão realizadas. O esquema de segurança foi apresentado na manhã desta terça-feira (31), no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar, em Palmas. Durante a apresentação, o major Antônio Carlos Folha Leite, Supervisor Geral da Operação, reforçou a importância e responsabilidade da PM para que todas as etapas da missão ocorram sem nenhum imprevisto. O evento serviu ainda para esclarecer possíveis dúvidas dos militares sobre a operação. “Trata-se da maior avaliação do país, que é a porta de entrada para o ensino superior, e, portanto, muito visada por quadrilhas especializadas em burlar as regras”, disse o major Folha Leite. A atuação da PM, conforme explicou o major Folha Leite, será desde a escolta do deslocamento das provas, passando pela Central de Armazenamento dos Correios, em Palmas, até a distribuição das avaliações nos 30 municípios do Estado. Além disso, as provas serão armazenadas nos quarteis da PM para garantir o sigilo. HORÁRIO Os participantes do Enem 2017 devem ficar atentos ao horário de aplicação das provas. Neste ano, o exame ocorrerá em dois domingos, dias 05 e 12 de novembro. No Tocantins, os portões serão abertos as 11h e fechados as 12h, obedecendo o horário local. ATUAÇÃO DA PM A PM reforçará o policiamento ostensivo e preventivo e atuará ainda nas modalidades de escoltas e guardas das provas e dos cartões de respostas, contando com policiamento a pé e motorizado nos locais de realização do ENEM/2017. Também haverá presença constante de policiais militares nas redondezas das escolas onde serão aplicadas as provas, especialmente nos horários de abertura e fechamento dos portões. CONVÊNIO A Polícia Militar realizou um convênio com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP) e será beneficiada com recursos para fortalecer o trabalho. “O recurso servirá para garantir a aplicação da prova e também na compra de equipamentos para os policiais militares que irão trabalhar na operação”, disse o major Folha Leite. Conforme determinação federal, o Governo do Estado entrará com uma contrapartida de 2% do valor total do convênio, estimado em R$ 170.482,00. Presente no evento, o Chefe de Estado Maior da Polícia Militar, coronel Edvan de Jesus Silva, agradeceu o empenho dos coordenadores da operação e garantiu que a Polícia Militar do Tocantins dará total condição de segurança para que os participantes do ENEM tenham tranquilidade para realizar a prova.

Comentários (0)

Mais Notícias

Região norte

Polícia Civil prende principal suspeito de matar idoso a facadas em Xambioá

O idoso foi morto no dia 21 de julho e o suspeito tinha fugido para a cidade de São Geraldo do Araguaia, no Pará.

Acidente fatal

Mulher morre em colisão entre motocicleta e carro no centro de Araguaína

O acidente ocorreu na esquina da Avenida Castelo Branco com a rua Rui Barbosa. A mulher morreu na hora.

Em Araguaína

Em vídeo, mulher desmente boato que viralizou nas redes sociais em Araguaína

Um áudio afirmava que a mulher simulava pedir esmola para dois homens armados assaltar os moradores.

Crime bárbaro

Acusado de matar homem e comer fígado assado é condenado a 12 anos em Palmas

O crime ocorreu em agosto de 2011, na Colônia de Pescadores do Setor Taquari, nas proximidades do Lago de Palmas.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.