Araguaína

Mais de 58% das ligações para o SAMU de Araguaína em 2016 foram trotes

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

16/05/2016 10h57 - Atualizado há 2 anos
O Serviço Móvel de Urgência (SAMU) de Araguaína (TO) realizou 9.955 atendimentos em 2015, mas 2.484 foram trotes. Em 2016, somente nos meses de janeiro, fevereiro e março, foram realizados 1.552 atendimentos, com 648 trotes, o que corresponde a mais de 58%. Para reduzir esses números será implantado o projeto 'SAMU nas Escolas'. A solenidade de lançamento vai ser realizada nesta quarta-feira (18/05), a partir das 8 horas, no auditório da prefeitura. Um dos objetivos é contribuir para a diminuição do índice de trotes na unidade. Estudantes  Os coordenadores e diretores após o treinamento irão levar as orientações aos estudantes que aprenderão a usar corretamente cada um dos serviços emergenciais, como os Corpo de Bombeiros (193), a Polícia Militar (190) e o SAMU (192). Trotes A coordenadora administrativa do SAMU de Araguaína, Caroline Borges, afirmou que os trotes prejudicam o atendimento de quem realmente precisa. “Se uma viatura vai atender um trote em um setor distante e acontece um acidente no Centro, por exemplo, o socorro pode demorar a chegar e a pessoa que realmente precisa fica desassistida”, ressaltou. A coordenadora acrescentou que a maioria dos trotes são realizados por crianças. “Por isso o apoio da escola e família é importante. Ligar no 192, pode ser uma brincadeira para eles, mas uma vida pode ser ceifada por causa disso e o objetivo do SAMU é salvar vidas”, disse. Serviço  O quê? Lançamento do Projeto SAMU nas Escolas; Quando? Dia 18, quarta-feira, a partir das 8 horas; Onde? Auditório da Prefeitura, à Rua 25 de Dezembro, nº 52, no Centro; Por quê? o número de trotes; Como? Conscientização da comunidade escolar, principalmente estudantes. Programação  Dia 18 (quarta-feira) 8h – Recepção de convidados; 8h45 –Composição da mesa diretiva/lançamento do projeto; 9h30 – Apresentação do projeto; 10h -  Treinamento de primeiros-socorros para os diretores e coordenadores das escolas municipais – temas: desmaio, convulsões, parada-cardiorrespiratória, ferimentos, imobilizações e outros; 12h - Intervalo; 14h – Continuação treinamento de primeiros-socorros para os diretores e coordenadores das escolas municipais – Temas: desmaio, convulsões, parada-cardiorrespiratória, ferimentos, imobilizações e outros; 15h30min – Coffee break; 15h – Simulações práticas dos temas que foram trabalhados; 17h– Encerramento. Presentes no lançamento Participam do evento diretoras e coordenadoras da Rede Municipal de Ensino, que terão palestras sobre como funciona o atendimento do SAMU. Após o treinamento, os docentes irão repassar para os alunos. Um dos objetivos do projeto é sensibilizar a comunidade estudantil sobre a importância do serviço, encorajando os estudantes a multiplicarem os conhecimentos adquiridos em sala de aula, para a família e comunidade.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.