Estupro de vulnerável

Padrasto que abusou da enteada de 12 anos é preso após fugir com mãe da vítima para o Goiás

A mãe da vítima também foi indiciada pelo crime de omissão imprópria.

Por Redação 1.141
Comentários (0)

21/02/2024 08h55 - Atualizado há 2 meses
Investigados presos

Um homem de 40 anos foi preso pela Polícia Civil por estar sendo investigado pelo crime de estupro de vulnerável, cometido no ano de 2022, tendo como vítima a enteada de 12 anos, na cidade de Dianópolis, sudeste do estado. 

A ação policial ocorreu na tarde desta terça-feira (20/2), por meio da 10ª Delegacia de Atendimento à Mulher e Vulneráveis (DEAMV - Dianópolis), e pela 5ª Delegacia de Polícia Civil de Aparecida de Goiânia (GO).

O acusado teria cometido a prática sexual sem o consentimento da vítima e mediante violência. Após o indiciamento, o homem fugiu da cidade, juntamente com a esposa (mãe da vítima), no ano de 2022, na tentativa de escapar das consequências do crime.

Logo que tomou conhecimento dos crimes contra a dignidade sexual da vítima, a Polícia Civil do Tocantins iniciou as investigações, as quais apontaram o próprio padrasto como sendo o autor dos abusos sexuais. 

Diante dos fatos, a autoridade policial representou pela prisão preventiva do investigado, medida decretada pelo Poder Judiciário e, após compartilhamento de informações entre as Polícias do Tocantins e de Goiás, foi possível a localização e prisão do investigado, na cidade de Aparecida de Goiânia, distante 860 quilômetros de Dianópolis.

Ao ser capturado, o indivíduo foi conduzido até a Central de Flagrantes da Polícia Civil de Aparecida de Goiânia e, após a realização dos procedimentos legais cabíveis, recolhido à Unidade Prisional local, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário da Comarca de Dianópolis. 

A mãe da vítima também foi indiciada pelo crime de omissão imprópria.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.