Crime bárbaro

Polícia prende mais um suspeito de torturar e executar duas pessoas dentro de kitnet em Palmas

Vítimas foram torturadas e assassinadas com tiros e golpes de faca.

Por Redação 1.294
Comentários (0)

29/08/2023 11h20 - Atualizado há 7 meses
Vítimas amarradas antes de serem mortas.

Agentes da 1ª Divisão Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP - Palmas) conseguiram prender mais um investigado por participação em um duplo homicídio que ocorreu na madrugada do dia 16 de junho em Palmas.

O suspeito, Ronaldo Welton Carvalho Sousa, foi capturado após chegar à residência de seus pais, na região sul da capital. A prisão ocorreu na madrugada desta terça-feira (29/8), com apoio do 1º Batalhão da Polícia Militar.

As vítimas Ricardo Barra Guimarães e Ikaro Felipe Santos de Sousa foram torturadas e assassinadas mediante disparos de arma de fogo e golpes de faca em uma quitinete localizada na Quadra 110 Sul.

Por meio de depoimentos de testemunhas, informantes e análise de vídeos postados em redes sociais, a investigação conseguiu identificar todos os envolvidos no crime, sendo eles: Samuel Martins da Silva (28 anos), Dionatha Lima da Silva (32 anos, vulgo “Jhony Dragão”), Ronaldo Welton Carvalho Sousa (23 anos), Roberto Júnior Resende Araújo (20 anos) e Jhonatan Martins Caldeira (23 anos, vulgo “RJ”).

A participação específica de cada um deles está detalhada no inquérito policial, que segue em sigilo até o fim das investigações.

Após praticarem o crime, alguns dos autores foram para um hotel e comemoram as mortes, ostentando as armas utilizadas, drogas e dinheiro, inclusive, sem medo algum de mostrarem seus rostos. 

O delegado Israel Andrade reforça que esta é mais uma prisão de grande importância, que ocorre após um intenso trabalho de investigação. “Esse foi um crime que chocou a cidade e ao qual nós estamos conseguindo dar resposta efetiva. A motivação está ligada a rivalidade entre facções criminosas. Esses indivíduos são perigosos e se acham acima da justiça. Durante a prisão, o homem chegou a debochar e exaltar a criminalidade”, contou o delegado. 

Prisões

Samuel Martins da Silva está preso na Unidade Penal Regional de Palmas (UPP) por outro crime, sendo preso posteriormente por envolvimento com roubo. No dia 1º de agosto o investigado Roberto Júnior Resende Araújo foi preso em Palmas, em cumprimento ao mandado de prisão preventiva expedido pela participação no crime.

Já no último dia 16 foi preso preventivamente na cidade de Imperatriz (MA), o investigado Dionatha Lima da Silva, vulgo “Jhony Dragão”. O investigado Jhonatan Martins Caldeira, vulgo “RJ”, segue sendo procurado.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.