Crueldade

Servidor da PF no Tocantins pode ter sido morto pelo próprio funcionário enquanto dormia

O corpo da vítima foi encontrado em uma rede com sinais de espancamento.

Por Conteúdo AF Notícias 3.921
Comentários (0)

10/09/2020 15h00 - Atualizado há 1 mês
A suspeita é de que o servidor tenha sido morto a pauladas enquanto dormia

O caseiro da fazenda do servidor da Polícia Federal no Tocantins, Aécio de Moura Lucas, 58 anos, é o principal suspeito do latrocínio, que é roubo seguido de morte. O corpo de Aécio foi encontrado na manhã desta quarta-feira (9) em sua propriedade rural, no município de Aparecida do Rio Negro, região central do estado.

A Secretaria da Segurança Pública (SSP) e a Superintendência da PF no Tocantins lamentaram a morte do servidor. Aécio ingressou no quadro da instituição no ano de 1999, no cargo de Motorista Oficial.

O crime teria acontecido durante o feriado dessa terça-feira (dia 8 – Padroeira do Estado). Segundo informações de moradores da região, o servidor aposentado teria sido violentamente espancado a pauladas enquanto dormia em uma rede, local onde o corpo foi encontrado.

Conforme nota da Polícia Federal, o autor do crime furtou pertences e um veículo da vítima e fugiu do local.

No início da noite de ontem (9), a Polícia Civil recebeu informações de que o autor do crime teria abandonado o veículo da vítima na Rua Castelo Branco, na cidade de Silvanópolis, e logo após fugiu seguindo em direção à rodovia TO-010.

A Polícia Federal juntamente com equipes da Polícia Civil, Polícia Militar, Força Tática do 5º e 6º BPM e Rotam montaram uma força-tarefa para a realização das investigações e buscas para prender o autor do crime.

NOTA DE PESAR

"É com profundo pesar que a Superintendência Regional da Polícia Federal no Tocantins comunica o falecimento na manhã da última quarta-feira (09) do Servidor da Polícia Federal Aécio de Moura Lucas. Aécio de Moura, natural de Patos de Minas/MG, tinha 58 anos e ingressou no quadro da Polícia Federal no ano de 1999, no cargo de Motorista Oficial.

Ele foi vítima possivelmente de latrocínio ocorrido na sua propriedade rural, localizada próximo a cidade de Aparecida do Rio Negro. O autor do crime furtou pertences e um veículo da vítima e em seguida fugiu do local. A Polícia Federal juntamente com equipes da Polícia Civil, Polícia Militar, Força Tática do 5o e 6º BPM e Rotam montaram uma força-tarefa para a realização das investigações e buscas para encontrar o autor do crime.

No início da noite de ontem (09), a Polícia Civil recebeu informações de que o autor do crime teria abandonado o veículo da vítima na Rua Castelo Branco, na Cidade de Silvanópolis, e logo após fugiu seguindo em direção à Rodovia TO 010. Equipes da Polícia Militar estão na região, mas até o momento o autor do crime não foi encontrado.

Exemplar e dedicado, Aécio era um profissional competente, modelo para os mais experientes e generoso com os novos colegas de profissão. Se destacava pelo sorriso, espírito de companheirismo e pela alegria de viver que contagiava a todos a sua volta.

A Superintendência Regional se solidariza com familiares, amigos e colegas de trabalho, lamentando profundamente o triste episódio que encerrou a vida do nobre colega, que deixa muitas saudades e um legado de exemplo de benevolência e sabedoria.

O sepultamento será realizado às 14:00 desta quinta-feira (10), no Cemitério Parque das Acácias, em Palmas/TO."

NOTA DA SSP-TO

"A Polícia Civil do Tocantins, por meio da 1ª Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (1ª DHPP) de Palmas, informa que informa que o corpo do servidor da Polícia Federal, Aécio de Moura Lucas, foi encontrado em sua fazenda no município de Aparecida do Rio Negro, por volta das 15 horas desta quarta-feira, 9, por um amigo da família. O crime foi comunicado à Superintendência da Polícia Federal no Estado do Tocantins que, em seguida, acionou a Polícia Civil. De imediato, a equipe da 1ª DHPP de Palmas e a Perícia Criminal se deslocaram para a propriedade e fizeram o levantamento do local do crime.

Informações preliminares indicam que trata-se de um suposto crime de latrocínio (roubo seguido de morte) e que o principal suspeito seria o caseiro da propriedade, que fugiu levando o veículo da vítima e uma arma de fogo calibre 380.

Equipes da Polícia Militar, Polícia Civil e Polícia Federal iniciaram de imediato as buscas pelo suposto autor do homicídio. Por volta das 19 horas desta quarta-feira, 9, o veículo da vítima foi localizado no município de Silvanópolis. Porém, até o momento, o suposto autor ainda não foi localizado. Diligências seguem sendo realizadas para que sua prisão aconteça nas próximas horas."

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.