Crime bárbaro

Suspeito de matar mulher com pedaço de vigota é preso em via pública de Gurupi

Ele confessou o crime com riqueza de detalhes, segundo a polícia

Por Redação
Comentários (0)

23/05/2024 14h42 - Atualizado há 4 semanas
Homem preso

Notícias do Tocantins - Um homem de 31 anos apontado como o principal suspeito de matar uma mulher identificada como Ceres Assencio Carvalho foi preso pela Polícia Civil na manhã desta quinta-feira (23). O corpo da vítima foi localizado em uma residência abandonada em Gurupi no dia 15 deste mês.

De acordo com o delegado Joadelson Rodrigues Albuquerque, a ação foi deflagrada nas primeiras horas da manhã, exatamente oito dias após o crime, quando o preso foi localizado em via pública e conduzido até a sede da 12ª Central de Atendimento da Polícia Civil.

O crime 

Ainda de acordo com a autoridade policial, o crime ocorreu em 15 de maio de 2024, em uma casa abandonada no Setor Jardim Eldorado. Ceres foi barbaramente assassinada, sendo golpeada na cabeça com um pedaço de vigota e, em seguida, teve seu pescoço cortado, esgorjamento parcial. 

Frio e calculista 

Ao ser ouvido pela autoridade policial, o investigado friamente confessou o crime com riqueza de detalhes, mas não informou a razão para o cometimento do bárbaro crime, que chocou moradores de Gurupi pela crueldade com que foi praticado. 

Ainda conforme o delegado Joadelson Rodrigues, a elucidação do crime e a prisão do principal suspeito reforçam o comprometimento da Polícia Civil com a investigação criminal e a responsabilização de autores de crimes de alta gravidade como este. 

“Por meio de uma investigação célere, as equipes da 3ª Divisão de Homicídios de Gurupi, sob a coordenação do delegado José Júnior, conseguiram identificar e prender o principal suspeito de praticar esse crime grave, que vitimou uma moradora da cidade de Gurupi”, disse o delegado.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.