Condenação

Traficante que chamou 3 menores para matar homem por causa de dívida é condenado a 21 anos

Já tem condenações por tráfico e receptação.

Por Redação
Comentários (0)

03/04/2024 17h56 - Atualizado há 2 meses
Cidade de Formoso do Araguaia

Notícias do Tocantins – O Tribunal do Júri realizado em Formoso do Araguaia condenou o réu Alan Junnio Hélio Ferreira a 21 anos e 9 meses de prisão pelos crimes de associação criminosa, corrupção de menores e pelo homicídio qualificado contra Vitor Queiros Corrêa

Vitor foi morto por disparos de arma de fogo efetuados por Alan em novembro de 2022. Segundo denúncia do Ministério Público do Tocantins (MPTO), o crime foi motivado por uma eventual dívida de drogas. Alan ainda contou com a ajuda de três adolescentes, motivo pelo qual também foi condenado por corrupção de menores e associação criminosa. 

No cálculo da pena, ainda foi considerado como agravante o fato de que Alan era reincidente. Tinha antecedentes criminais, com condenações transitadas em julgado por crime de tráfico privilegiado e pelo crime de tráfico e receptação. 

O MPTO foi representado no Tribunal do Júri pelo promotor de Justiça André Henrique Oliveira Leite, integrante do Núcleo do Tribunal do Júri do Ministério Público do Tocantins (MPNujuri).

 

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.