Execução

Vigilante é executado com tiro na nuca enquanto caminhava com a esposa no Tocantins

O vigilante foi rendido por um homem que desceu de um carro usando capacete. O caso foi em Porto Nacional.

Por Nielcem Fernandes 10.504
Comentários (0)

22/01/2019 09h36 - Atualizado há 1 ano
Rogério tinha 39 anos e trabalhava como vigilante

O vigilante Rogério Andrade Paulino, de 29 anos, foi executado com um tiro na nuca enquanto fazia caminhada junto com sua esposa na noite dessa segunda-feira (21), em Porto Nacional, região central do Estado.

A Polícia Militar informou que um veículo com vários suspeitos se aproximou do casal, um homem de capacete desceu do carro, mandou os dois se deitarem no chão e efetuou um único disparo na nuca do vigilante.

A vítima chegou a ser socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), mas não resistiu.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML). Nenhum suspeito foi preso e a motivação do crime ainda é desconhecida, segundo a polícia. 

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.