Sebrae

8 prefeituras são premiadas no Estado por ações empreendedoras na gestão pública; veja quais

Iniciativa reconhece prefeitos que desenvolveram ações de empreendedorismo

Por Redação 1.692
Comentários (0)

19/04/2024 15h05 - Atualizado há 1 mês
Cerimônia de premiação dos gestores públicos municipais

Notícias do Tocantins - Como forma de reconhecer a criatividade empreendedora da gestão pública, o 12º Prêmio Sebrae Prefeitura Empreendedora premiou, na noite desta quinta-feira (18/04), nove gestores municipais que se destacaram à frente de iniciativas inovadoras em suas cidades. 

O objetivo da premiação é destacar o papel de gestores comprometidos com o desenvolvimento socioeconômico do Executivo Municipal, a partir de iniciativas que estimulam o empreendedorismo, a competitividade dos pequenos negócios e a modernização da gestão pública local.

Neste ano, o Tocantins registrou um marco significativo, com um total de 62 projetos inscritos em todo o Estado, maior participação já vista desde 2001. Os primeiros lugares de cada uma irão agora concorrer a premiação nacional, em Brasília. 

Categorias:

- Sustentabilidade e Meio Ambiente: Prefeitura de Palmeirópolis.

- Turismo e Identidade Territorial: Prefeitura de Lajeado.

- Simplificação e Fomento ao Empreendedorismo: Prefeitura de Araguaína.

- Empreendedorismo na Escola: Prefeitura de Araguaína.

- Governança Territorial: Prefeitura de Marianópolis

- Inclusão Produtiva: Prefeitura de Dianópolis.

- Sala do Empreendedor: Prefeitura de Divinópolis.

- Cidade Empreendedora: Prefeitura de Gurupi.

- Empreendedorismo Rural: Prefeitura de Santa Rita do Tocantins.

O superintendente do Sebrae, Rérison Antônio Castro, ressaltou que o prêmio é um reconhecimento aos gestores que ocorre há mais de 20 anos e que, de fato, tem gerado muitos resultados para o Estado, por meio de iniciativas que impulsionam o desenvolvimento dos pequenos negócios. “O Tocantins tem uma peculiaridade, onde 98% das empresas são de pequenos negócios. Nesta direção, o Sebrae realiza o prêmio com a intenção de assegurar que as boas práticas de gestão empreendedora para os empreendedores sejam reconhecidas e multiplicadas”, destaca. 

Os principais públicos do PSPE são microempreendedores Individual (MEI), Microempresas (ME), Empresas de Pequeno Porte (EPP), Agricultores Familiares, Produtores Rural, Pessoa Física, Artesãos, e Empreendimentos Econômicos Solidários.

Etapa nacional

A etapa nacional da premiação começa a partir de 21 de abril, quando os primeiros colocados de cada categoria dos estados serão avaliados pela comissão nacional. A cerimônia final está prevista para ocorrer em 11 de junho, em Brasília (DF). Desde 2001, quando ocorreu a primeira edição, já foram inscritas no prêmio mais de onze mil iniciativas, oriundas de todos os estados brasileiros.

Mais de mil práticas foram premiadas em âmbito estadual e nacional, evidenciando a evolução das burocracias municipais no que diz respeito a agenda do empreendedorismo e do relacionamento entre a gestão municipal e os pequenos negócios. Neste ano, foram registrados mais de 2,5 mil projetos inscritos em todo país, superando a última edição. O prêmio que é realizado a cada dois anos, teve em 2021, cerca de 1,6 mil inscrições de 1.327 prefeituras de todos os estados do País. 

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.