Palmas

Cinco toneladas de peixes impróprios para consumo são apreendidas dentro de peixaria

Pescado era oriundo do Estado da Bahia e não tinha registro.

Por Redação 678
Comentários (0)

27/08/2021 13h17 - Atualizado há 4 meses
Todo pescado foi descartado no aterro sanitário de Palmas

Uma peixaria que funcionava sem alvará na região sul de Palmas foi flagrada com cerca de 5 toneladas de pescado impróprio para consumo durante uma operação conjunta da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) com o apoio da Guarda Metropolitana e Vigilância Sanitária Municipal (Visa), nesta quinta-feira (26).

Os fiscais chegaram até o local após receberem uma denúncia anônima a respeito das condições de manuseio do pescado.

Durante a abordagem, os fiscais comprovaram que o ambiente era inadequado, sujo e sem o mínimo de higiene para o processamento de alimentos.

Questionado, o dono do estabelecimento apresentou uma nota fiscal que informava a origem do pescado como sendo do estado da Bahia. Mas, segundo os fiscais, o produto sequer poderia ser comercializado no município onde foi produzido, uma vez que não possuía registro em nenhum Serviço de Inspeção. Ele foi multado em R$ 2,5 mil.

Todo o material foi apreendido e descartado em aterro sanitário. A Adapec informou que recebeu uma denúncia anônima pelo 0800 063 11 22 e deu início às investigações.

"A atitude, além de ferir a legislação, põe em risco a saúde do consumidor, pois todo o material foi avaliado também por uma equipe técnica do Mesa Brasil, que atestou que o alimento estava impróprio para o consumo", afirmou o gerente de inspeção animal, Antônio Caminha.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.