Transparência

Combate à pandemia já custou R$ 7,1 milhões em Araguaína; veja como dinheiro foi gasto

Os recursos já depositados para o enfrentamento da doença são R$ 7,9 milhões.

Por Redação
Comentários (0)

14/07/2020 16h33 - Atualizado há 4 semanas
Araguaína foi a única cidade do Tocantins a implantar um Hospital de Campanha

Até o dia 13 de julho, Araguaína já aplicou R$ 7.185.929,56 em ações contra a covid-19 na cidade, entre recursos próprios e do Governo Federal, principalmente nas áreas da Saúde e Assistência Social. O valor é pouco maior que o recebido pelo Município até o momento, conforme divulgado no Portal da Transparência.

O secretário municipal da Fazenda, Fabiano Souza, explicou que esse recurso é proveniente apenas dos gastos direto com a covid-19.

“Araguaína receberá R$ 25,9 milhões do auxílio financeiro nacional, em quatro parcelas, mas nem todo esse valor está sendo enviado para o combate direto à doença e, sim, para repor as perdas de arrecadação que são decorrentes dos impactos da pandemia na economia local. Cerca de 10%, que corresponde a R$ 2,6 milhões, são destinados à Saúde e Assistência Social e a segunda parcela já foi paga ao Município”, explicou.
 
SAÚDE

Mais da metade dos recursos (R$ 4.857.471,76) foram investidos em ações da Secretaria da Saúde. Entre as principais estão compra de testes rápidos, insumos, equipamentos de proteção individual (EPI) e remédios que são distribuídos gratuitamente, adaptação de unidades de saúde, como o Hospital Municipal de Campanha (HMC) e o anexo da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), além da implantação e funcionamento de leitos exclusivos para pacientes com covid-19.

Mais da metade foi investido (R$ 4.857.471,76) são em ações da Secretaria da Saúde. | Foto: Marcos Sandes

CESTAS BÁSICAS E MÁSCARAS

Já na área da Assistência Social, os recursos foram investidos na aquisição de cestas básicas, no valor de R$ 1.784.290,00, para profissionais que foram impedidos de trabalhar e famílias carentes. Outros R$ 31.663,00 foram aplicados na confecção de máscaras de proteção, entre mão de obra e material.

Os valores totalizam R$ 2.141.880,50  - incluindo também o fornecimento de tendas, cadeiras e itens de proteção às pessoas que buscam o auxílio econômico na Caixa Econômica Federal, e distribuição de kits de higiene, principalmente na Praça da Bandeiras, onde é oferecido o Programa Banho Solidário aos moradores de rua.

Foram R$ 1.784.290,00 para aquisição de cestas básicas | Foto: Marcos Sandes

OUTROS INVESTIMENTOS

Do restante do recurso, R$ 178.492,10 foram investidos em campanhas publicitárias para conscientização da população e evitar novos contágios. E ainda R$ 8.085,20 para o serviço de desinfecção de locais públicos que é realizado pela Secretaria Municipal da Infraestrutura.

R$ 8.085,20 foram para o serviço de desinfecção de locais públicos | Foto: Marcos Sandes
 
RECURSOS RECEBIDOS

Os recursos já depositados para o enfrentamento da doença são R$ 7.966.577,60, sendo que 71% desse valor corresponde à transferência do Sistema Único de Saúde (SUS) para o Fundo de Covid-19. Do restante, R$ 928.545,00 provém do Fundo Nacional de Assistência Social, R$ 69.464,00 são doações financeiras de instituições e R$ 1.306.921,12 são duas das quatro parcelas que Araguaína receberá pelo auxílio financeiro nacional direcionado à Saúde.

Principais investimentos estão na áreas da Saúde e Assistência Social | Foto: Marcos Sandes

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.