Babaçulândia

Devastação ambiental faz córrego secar em Babaçulândia e moradores pedem socorro

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

04/10/2017 15h22 - Atualizado há 2 meses
Márcia Costa//AF Notícias O Ribeirão do Coco, no município de Babaçulândia, norte do Estado, está sofrendo sérios impactos com a degradação do meio ambiente em suas margens. Segundo moradores da cidade, o córrego está secando e nas últimas três semanas foi possível notar a constante redução do nível da água. A causa da seca, conforme moradores, seria a ação de trabalhadores do Assentamento Tabuleiro, que foi instalado nas proximidades do Ribeirão, em 2010, após as famílias terem sido prejudicadas com a construção da Usina Hidrelétrica de Estreito. Ainda segundo os moradores, as árvores e matas ciliares estão sendo derrubadas pelas famílias para a plantação do capim que serve de pastagem ao gado. Os pastos ficam próximos ao ribeirão e a movimentação dos animais ocasiona erosões. Um vídeo registrado por moradores mostra um trecho do ribeirão seco e até lixo sendo queimado no leito do rio, onde deveria existir água. "O Ribeirão do Coco está pedindo socorro. No ano passado houve o primeiro sinal. Cortou a água durante três dias, mas voltou devagarinho. E neste ano tem mais de duas semanas que a água foi cortada aqui e até agora nada”, disse um morador no vídeo. O homem ainda diz que no ano passado uma pessoa do assentamento chegou a ser multada, porém ela recorreu e a cobrança foi suspensa. "É preciso que alguém tome providência. Pescávamos e pulávamos de ponta. Era lazer e hoje está nessas condições. Ano passado subimos até a nascente e detectamos que está tudo bem, mas de lá para cá muita coisa foi derrubada”, finalizou. PREFEITURA DE BABAÇULÂNDIA Em nota, o secretário de Meio Ambiente e Turismo de Babaçulândia, Arthur Ângelo da Silva, informou que a secretaria têm projetos para recuperação das nascentes e também das matas ciliares no percurso de vários córregos e rios, tais como: Ribeirão do Coco, Rio Raposa, Rio Jenipapo, Rio Ribeirão Seco, Córregos Cebola, Pedra Vermelha, Mato Verde, Almoço e outros. Os projetos são desenvolvidos com o apoio do prefeito Aleno Dias e com a parceria da VLI, CESTE e UFT. A nota afirma ainda que a secretaria vem realizado reuniões com as entidades envolvidas com o tema 'Educação Ambiental, Reflorestamento das Matas Ciliares e Nascentes' e também solicitado revisão das outorgas licenciadas pelo Naturatins. A secretaria também orienta os usuários sobre a falta de água que é assustadora na região, conforme a nota. "Lembramos que vistorias feitas recentemente na nascente do Ribeirão do Coco verificou que ela está intacta, exceto no percurso onde existem propriedades rurais com o uso de pastagens", finalizou. ASSISTA AO VÍDEO [af_youtube url="https://youtu.be/OOzL0Ml14S8"]

Comentários (0)

Mais Notícias

Palmas

BMW fica completamente destruída após pegar fogo na Avenida Teotônio Segurado

A BMW ficou completamente destruída após o incêndio. Ninguém ficou ferido.

Violência

Adolescente de 15 anos é morto com três tiros durante assalto no sul do Estado

O menor foi atingido por três disparos na cabeça e no tórax.

Acidente

Mulher tem perna esmagada por veículo após acidente em cruzamento de Palmas

Testemunhas disseram que a motociclista tentou atravessar a Teotônio quando foi atingida

Álcool e direção

Motorista bêbado invade a contramão, colide e mata motociclista na TO-080

Com o impacto da batida, moto e condutor foram arremessados cerca de 30 metros.

Perigo

Crianças são arrastadas por enxurrada enquanto banhavam em córrego de Palmas

Os garotos tomavam banho no córrego quando foram surpreendidos pela força da água.

Engavetamento

Ônibus perde freios e provoca engavetamento na principal avenida de Araguaína

O engavetamento envolveu um ônibus, um veículo de passeio e um caminhão de pequeno porte.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.