Violência na educação

Diretor de escola é agredido por ex-aluno expulso por violência contra professor em Araguaína

Por Redação AF
Comentários (0)

09/08/2017 22h35 - Atualizado há 2 meses
Da Redação//AF Notícias Com quase 30 anos de trabalho dedicado à educação do Estado do Tocantins, o professor Mariano Soares da Costa viveu uma cena triste ao ser vítima de agressão física por parte de um ex-aluno que já tinha sido expulso do colégio por agredir fisicamente outro professor. O caso aconteceu no final da tarde desta quarta-feira (9), na frente do Colégio Estadual Guilherme Dourado, centro de Araguaína, onde Mariano está atuando como diretor da unidade escolar. O autor é Lucas Araújo Resplandes, de 18 anos. Câmeras de segurança do colégio registraram toda a ação. O diretor relatou que estava na calçada acompanhando a saída dos alunos, pois havia recebido a informação de que um grupo de adolescentes estava planejando agredir uns estudantes. Diante disso, Mariano já tinha solicitado o apoio da viatura de Patrulha Escolar. Em um certo momento, um rapaz, que estava do lado oposto da rua, vai em direção ao professor e dá um soco na máquina fotográfica que está em sua mão. Em seguida, não satisfeito, o rapaz retorna e dá outro soco no equipamento e acerta também o peito do professor. Nesse momento, o professor se desequilibra e cai nos degraus da calçada e continua sendo agredido. O rapaz se afasta um pouco e já aparece no vídeo dando um golpe conhecido como 'voadeira'. O professor tenta se defender e, depois de alguns segundos, Mariano consegue imobilizar o agressor, segurando-o no chão por cerca de cinco minutos até a chegada da Polícia Militar. O agressor foi conduzido à Delegacia de Plantão. "Eu teria apanhado se não tivesse me defendido", disse. Mariano relatou que o agressor é ex-aluno do colégio e foi expulso no ano passado depois de agredir um professor com chute. Após esse episódio, Mariano diz que passou a sofrer ameaças. Segundo o diretor, o agressor fica frequentemente na frente da escola na companhia colegas. Há suspeitas de que alguns tenham envolvimento com drogas. “Tenho quase 30 anos de educação e sou um professor que procuro sempre zelar pelo bem e aprendizado dos meus alunos. Muitos aqui já foram meus alunos e sabem do meu trabalho. Me sinto frustrado com uma situação dessa acontecendo comigo. Poderia ter acontecido com qualquer outro professor”, lamentou Mariano. Mariano já recebeu ligações e mensagens de apoio e solidariedade de inúmeros amigos, colegas de profissão e até mesmo de pessoas que não o conhece. O Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sintet) também prestou apoio ao professor e condenou a violência contra os educadores. "Algumas pessoas pensam que vida de professor é uma maravilha, mas não conhecem a realidade da sala de aula", finalizou o professor Mariano. NOVAS AMEAÇAS Após o episódio lamentável, o professor Mariano voltou a ser ameaçado, mas dessa vez pelas redes sociais. "Deixa ele quando ele menos imaginar a papoca já vai ta estralando" (sic), disse um dos colegas do agressor. VEJA O VÍDEO [af_youtube url="https://www.youtube.com/watch?v=A-9HQc_KpwA"] VEJA MAIS... http://afnoticias.com.br/me-sinto-frustrado-diz-diretor-escolar-vitima-de-agressao-na-porta-de-escola-em-araguaina/

Comentários (0)

Mais Notícias

Perigo

Crianças são arrastadas por enxurrada enquanto banhavam em córrego de Palmas

Os garotos tomavam banho no córrego quando foram surpreendidos pela força da água.

Engavetamento

Ônibus perde freios e provoca engavetamento na principal avenida de Araguaína

O engavetamento envolveu um ônibus, um veículo de passeio e um caminhão de pequeno porte.

Ipueiras (TO)

Ex-prefeito é denunciado por não repassar empréstimos consignados aos bancos

Dezenas de funcionários foram lesados e tiveram seus nomes negativados no SPC/Serasa.

Caso Gislane

Mulher é presa suspeita de encomendar morte de jovem por ciúmes do namorado

A PM prendeu Marcela ainda dentro do ônibus quando chegava a cidade de Cristalândia

Animal Silvestre

Tamanduá-bandeira é capturado dentro de casa em Araguaína e solto na natureza

O animal foi colocado numa gaiola e solto em uma área verde próximo à cidade.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.