Operação

Fiscalização apreende barcos no lago de Palmas por falta de coletes salva-vidas e Arrais Amador

Pescadores não tinham a habilitação e embarcações não estavam registradas.

Por Redação
Comentários (0)

18/03/2024 17h54 - Atualizado há 2 meses
Operação foi realizada pelo Naturatins e Marinha do Brasil

Notícias do Tocantins - Para coibir a pesca e o tráfico irregular de pescado, o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) e a Marinha do Brasil realizaram uma fiscalização no Lago da Usina Hidrelétrica Luís Eduardo Magalhães (UHE do Lajeado), no âmbito da operação Pesca Limpa. A ação ocorreu na última sexta-feira (15), em Palmas. Foram apreendidos dois barcos em situação irregular.

A apreensão das embarcações por parte da Marinha ocorreu durante a abordagem realizada em acampamentos de pescadores profissionais. Conforme o fiscal Jusley Caetano, os pescadores não tinham a habilitação para pilotar os barcos (Arrais Amador); as embarcações não estavam registradas na Marinha e dentro dos barcos não havia colete salva-vidas.

"Em razão desse cenário, os pescadores foram conduzidos para a Capitania dos Portos e tiveram os barcos apreendidos até que eles regularizem a situação, de modo que possam voltar a navegar com segurança", observou Jusley Caetano.

Ainda durante as abordagens, a fiscalização conferiu a documentação dos pescadores, como o Registro Geral da Atividade Pesqueira (RGP), licença especial de trânsito e comercialização de pescado. Também foram conferidas a quantidade de pescado, que não pode ultrapassar 100 quilos por semana, e a espessura da rede da malhadeira, a qual tem que ser da malha oito em diante.

 

Operação Pesca Limpa no lago de Palmas

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.