Niver de 65 anos

Governador Wanderlei parabeniza Araguaína e prestigia última noite de shows: 'cidade maravilhosa'

Felipe Amorim e Manu Bahtidão fecharam a programação de três dias de festividades.

Por Redação 1.066
Comentários (0)

14/11/2023 11h57 - Atualizado há 5 meses
Último dia das festividades contou com apresentações de Manu Bahtidão

A segunda maior cidade do Tocantins, potência econômica da região norte, Araguaína, completa 65 anos nesta terça-feira (14), e para homenagear a cidade o Governo do Tocantins promoveu uma série de shows com artistas regionais e nacionais durante três dias, começando no sábado (11) e finalizando nessa segunda-feira (13), na Arena Filadélfia. 

Com a presença do governador Wanderlei Barbosa, o último dia das festividades contou com apresentações dos artistas Felipe Amorim e Manu Bahtidão. “É um momento de muita alegria, uma vez em que nós festejamos 65 anos de Araguaína, essa cidade maravilhosa. O Tocantins e o Brasil se orgulham dela. Os empresários vem para fazer investimento e o povo vem para trabalhar, para criar a família, para buscar serviços, e hoje é uma noite feliz e queremos desejar prosperidade, felicidade, muita saúde ao povo de Araguaína”, felicitou o governador Wanderlei Barbosa.

O vice-governador Laurez Moreira também participou das comemorações e parabenizou a população de Araguaína pelos 65 anos de história deste município, que é destaque na região. “Araguaína é o destino de muitos tocantinenses e irmãos de estados vizinhos, que buscam referência em saúde, educação e oferta de serviços. Então, não poderia ser diferente. A cidade merece essa festa linda que o Governo do Tocantins está proporcionando”, destacou.

O secretário de Estado do Turismo, Hercy Filho, destacou a importância de Araguaína e a decisão de levar essa grande festa ao povo araguainense. “Por orientação do nosso governador Wanderlei Barbosa, organizamos essa festa do tamanho que Araguaína merece. Estamos comemorando os 65 anos da cidade que é muito importante para o Tocantins: uma cidade universitária, um centro de referência em saúde e de economia pujante, de um povo desenvolvimentista”, salientou o secretário ao pontuar os benefícios de um evento desse porte.

“O momento de confraternização também se torna um momento de geração de emprego e renda. São muitas pessoas envolvidas na produção do show, na venda de bebidas e alimentação, na hotelaria, nos postos de combustíveis, ou seja, é um momento onde a economia gira, num município considerado o portal de desenvolvimento econômico do Tocantins”, reforçou o secretário.

O deputado estadual Jorge Frederico também contribuiu com recursos para a realização do evento. “É um projeto do Governo do Tocantins e nós buscamos e formatamos tudo isso para gerar emprego, renda e prestigiar Araguaína pelos seus 65 anos de história. Uma cidade reconhecida como a capital econômica do Estado, o coração econômico do Tocantins, e o Governo prestigiando Araguaína com o maior festival da história dessa cidade, movimentando toda a economia, com hotéis, churrascarias e lojas lotadas”, afirmou.

Programação

A programação artística das comemorações dos 65 anos de Araguaína, organizada pela Secretaria de Estado do Turismo (Setur), teve início no sábado, 11, com apresentações dos artistas Thallyson Nunes, Paloma Vaqueira, Edyr Marques, Max Bom de Piseiro, Renan Aguiar, Dj Jacob, Forró de Mel, Matheus Lima, Flavinha, Joan Alessandro, Igor Cunha, Dj Maskara, e Companhia do Calypso.

No domingo (12), foi celebrado um grande louvor em comemoração aos 65 anos de Araguaína com os cantores do segmento gospel Sandra Alves, Ministério Fiel Amor, e Isadora Pompeu. Para fechar com chave de ouro, Araguaína recebeu nessa segunda-feira, 13, o Dj Lelis, Rogério e Reginaldo, Atos e Henrique, Vitinho Real, Nely Silva, Gleydson Swingão, Mavi Araújo, Felipe Amorim e Manu Bahtidão.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.