Emendas

Kajuru acusa Eduardo Gomes de ofertar R$ 100 milhões em emendas para evitar críticas

Kajuru não apresentou provas da suposta proposta.

Por Redação 1.530
Comentários (0)

25/10/2021 09h42 - Atualizado há 1 mês
Senador Eduardo Gomes, à esquerda, e o senador Jorge Kajuru, à direita.

O senador Eduardo Gomes (MDB), líder do Governo no Congresso, teria oferecido cerca de R$ 100 milhões em emendas parlamentares ao senador Jorge Kajuru (Podemos), para abafar suas críticas ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido). As declarações do parlamentar foram dadas à revista Crusoé.

Kajuru afirmou que a suposta oferta de Gomes teria sido feita para o seu assessor de orçamento. O senador do Podemos, todavia, não apresentou provas das alegações. 

Na reportagem, Kajuru detalha: "o meu assessor de orçamento ouviu da boca do senador Eduardo Gomes (líder do governo no Congresso), de quem eu gosto, e que é muito educado, o seguinte: 'O Kajuru podia ter 100 milhões (de reais) em emendas. Fala para o Kajuru mudar, não bater no governo desse jeito."

Em nota, a assessoria de Eduardo Gomes afirmou que ele "respeita o senador Kajuru por suas posições e sua história, tendo sempre mantido com ele diálogo republicano de alto nível, de maneira direta, sem precisar enviar recados via assessoria. Todas as vezes que o senador Kajuru votou com o governo, o fez por convicção."

Kajuru X Governo Bolsonaro

À revista, Kajuru revelou que não fala mais com o presidente Bolsonaro desde a divulgação de um trecho de conversa com o chefe do Executivo, que foi gravada pelo parlamentar, em abril.

O diálogo aconteceu às vésperas da instalação da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid, que investigou as ações do governo federal no combate à pandemia.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.