Luto

Pioneiro da etnia Javaé morre com covid-19 no Tocantins, 1ª vítima indígena no Estado

O indígena era um dos fundadores da Aldeia São João na Ilha do Bananal

Por AF Notícias 1.382
Comentários (0)

10/07/2020 10h06 - Atualizado há 3 semanas
O ex-cacique estava internado no Hospital Regional de Gurupi e veio a óbito nesta quarta-feira (09)

A Secretaria da Saúde de Formoso do Araguaia, região sul do Tocantins, confirmou o falecimento o ex-cacique Juraci Warasi Javaé, de 79 anos. Ele veio a óbito nesta quinta-feira (09) no Hospital Regional de Gurupi, onde estava internado, vítima de complicações decorrentes da Covid-19. 

O cacique é pai do ex-vereador de Formoso, Darci Javaé, e era pioneiro e um dos fundadores da aldeia São João, localizada na Ilha do Bananal. Esse é o primeiro óbito por Covid-19 entre a população indígena do Tocantins desde o início da pandemia.

Boletim Covid

Conforme o boletim publicado pelo Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) no Tocantins, na quarta-feira (8), já são 102 os casos de contaminação pelo novo conronavírus entre as oito etnias que vivem no estado. Há ainda 165 pacientes com a suspeita da doença, 81 casos descartados e 48 já se recuperaram.

A situação mais crítica vem sendo registrada no município de Formoso do Araguaia, onde já foram confirmados 65 casos de Covid-19 entre os indígenas.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.