Educação protesta

Professores protestam na capital do Tocantins: 'Prefeito caloteiro, cadê nosso dinheiro?'

Por Redação AF
Comentários (0)

01/12/2017 08h18 - Atualizado há 2 meses
Vários professores da rede municipal de ensino da Capital do Tocantins foram às ruas com faixas para protestar contra a gestão do prefeito Carlos Amastha (PSB), que é pré-candidato a governador do Estado, na tarde desta quinta-feira (30). O ato ocorreu no semáforo em frente à Câmara Municipal de Palmas, na avenida Teotônio Segurado, uma das mais movimentadas. Os profissionais reivindicaram a devolução dos valores descontados em razão da recente greve, já que haverá reposição das aulas, e também parte do 13º salário também descontado. A categoria pediu ainda que a reposição ocorra sem nenhum prejuízo à carreira. Outro ponto cobrado é a eleição para diretor de escola, colocando um fim às interferências políticas, e o cumprimento do Plano de Carreira, além do pagamento em dia da data-base. As faixas traziam frases como: "Prefeito caloteiro, cadê nosso dinheiro?", "Prefeito ostentação não paga reposição" e "Prefeito mentiroso, deixa de enganação". Os trabalhadores paralisaram o trânsito por alguns minutos e utilizaram o semáforo fechado para chamar a atenção dos motoristas, e logo após liberavam o trânsito. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sintet), o ato foi realizado de forma ordeira e pacífica e recebeu apoio de motoristas que passavam pela avenida. A Prefeitura de Palmas não se manifestou sobre o protesto da categoria.

Comentários (0)

Mais Notícias

Perigo

Crianças são arrastadas por enxurrada enquanto banhavam em córrego de Palmas

Os garotos tomavam banho no córrego quando foram surpreendidos pela força da água.

Engavetamento

Ônibus perde freios e provoca engavetamento na principal avenida de Araguaína

O engavetamento envolveu um ônibus, um veículo de passeio e um caminhão de pequeno porte.

Ipueiras (TO)

Ex-prefeito é denunciado por não repassar empréstimos consignados aos bancos

Dezenas de funcionários foram lesados e tiveram seus nomes negativados no SPC/Serasa.

Caso Gislane

Mulher é presa suspeita de encomendar morte de jovem por ciúmes do namorado

A PM prendeu Marcela ainda dentro do ônibus quando chegava a cidade de Cristalândia

Animal Silvestre

Tamanduá-bandeira é capturado dentro de casa em Araguaína e solto na natureza

O animal foi colocado numa gaiola e solto em uma área verde próximo à cidade.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.