Tocantins

Sintras é condenado a pagar R$ 50 mil de danos morais por invadir representação do Sindicato da Enfermagem

Por Redação AF
Comentários (0)

17/02/2016 07h59 - Atualizado há 1 mês
AF Notícias // Da Redação A Justiça Federal do Trabalho no Tocantins condenou o Sindicato dos Trabalhadores em Saúde no Tocantins (Sintras) a pagar indenização moral no valor de R$ 50 mil por "desmerecer e desmoralizar" a representatividade dos Sindicato da Enfermagem, além de ter supostamente coagido os profissionais a aderirem à greve da saúde. A decisão é do juiz Reinaldo Martini, publicada no último dia 15 de fevereiro, em ação movida pelo Sindicato dos Profissionais da Enfermagem do Estado do Tocantins (Seet). Na Ação, o Sindicato que representa a enfermagem alegou que está sendo vítima de invasão de sua competência pelo Sintras, que insiste em invadir sua seara de representação, descumprindo assim decisão judicial. Como prova da invasão de competência, o SEET juntou documentos onde o Sintras se apresenta como representante da categoria dos técnicos de enfermagem e auxiliares de enfermagem, e ainda promoveu a II Jornada de Enfermagem de Augustinópolis. Profissionais de enfermagem ouvidos em juízo também denunciaram coação por parte do Sintras. “Trabalhadores de hospitais diversos dão conta de terem sido coagidos pelo sindicato réu a aderir à greve dos profissionais da saúde, como se este fosse seu sindicato, sendo que ouviram do próprio presidente da entidade que os profissionais de enfermagem poderiam participar da greve e que o sindicato da saúde os representava”, diz a decisão. Na decisão, a justiça determina ao Sintras que retire de seu sítio na internet toda e qualquer publicação onde mencione os profissionais de enfermagem sem mencionar os filiados.

Comentários (0)

Mais Notícias

Notícias falsas

TSE vai anunciar medidas contra fake news após tensão entre Haddad e Bolsonaro

A semana que passou foi tensa, pois Haddad acusou Bolsonaro de estar por trás do esquema.

Concurso PM

Por requisição do MPE, PM vai apurar falhas no concurso para soldado e oficial

Cerca de 16 candidatos são acusados de fraudar as provas para o concurso da PM do Tocantins

Educação

Quase 130 professores de Araguaína ganham progressões salariais na carreira

Os educadores que subiram de nível receberão aumento em seus salários a partir de fevereiro de 2019

Prejuízo

Caminhão com carga avaliada em R$ 1,5 milhão é destruído pelo fogo na BR-153

O fogo começou nos pneus traseiros e rapidamente se espalhou pelo caminhão.

Colisão frontal

Pai e filho morrem em grave acidente de trânsito na BR-153 no norte do Estado

A rodovia ficou interditada por quase uma hora nos dois sentidos.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.