Eleição suplementar

TRE abre prazo de 5 dias para impugnação dos candidatos ao Governo do Tocantins

Por Redação AF
Comentários (0)

25/04/2018 09h46 - Atualizado há 3 meses
Encerrou-se nessa terça-feira (23), às 19h, o prazo para o registro de candidatura aos cargos de governador e vice-governador do Tocantins para as Eleições Suplementares de 3 de junho. A relação dos partidos, candidatos e coligações que apresentaram a documentação exigida no prazo e horário estipulado no Calendário para o Pleito, está disponível no Diário da Justiça Eleitoral de terça-feira (24). Confira: 1 - Kátia Regina Abreu,  candidata a governadora e Marco Antônio Costa, candidato a vice-governador pela Coligação Reconstruindo o Tocantins (PDT, Avante, PEN, PSD, PSC). 2 - Márlon Jacinto Reis, candidato a governador e Edvan de Jesus Silva, vice-governador pelo Partido Rede. 3 - Vicente Alves de Oliveira, candidato a governador e Divino Júnior do Nascimento, candidato a vice-governador, pela Coligação a Vez dos Tocantinenses (PR, PPL, PROS,  SD e PMB). 4 - Marcos de Souza Costa, candidato a governador e Jenilson Alves de Cirqueira, candidato a vice-governador pelo Partido Renovador Trabalhista (PRTB). 5 - Mauro Carlesse, candidato a governador e Wanderlei Barbosa Castro, candidato a vice-governador, pela Coligação Governo de Atitude (PHS, DEM, PTC, PRB, PMN, PP, PPS). 6 - Carlos Enrique Franco Amastha, candidato a governador e Celio Alves de Moura, candidato a vice-governador pela Coligação A Verdadeira Mudança (PSB, PT, PTB, PODE, PC do B). Segundo o TRE-TO, o PSOL fez apenas o registro do Partido, mas  não apresentou o nome do candidato a governador e vice. Neste caso, de acordo com o Artigo, 11, parágrafo 4º, da Lei 9.504, os candidatos têm um prazo de 48 horas, após a publicação do edital, para requerer seus registros aos cargos de governador e vice-governador. Com a publicação do edital, agora caberá a qualquer candidato, partido político, coligação partidária ou ao Ministério Público, no prazo de cinco dias, contados da publicação do edital, impugnar, em petição fundamentada, os pedidos de registros de candidaturas. O pleno do TRE-TO tem até o dia 18 de maio para julgar todos os registros de candidaturas relativos às Eleições Suplementares.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.