Política

Valdemar Jr alfineta Amastha: 'agora temos mais 6 policiais para proteger a população'

Por Redação AF
Comentários (0)

22/02/2018 08h43 - Atualizado há 1 semana
Nielcem Fernandes//AF Notícias Durante a assinatura da ordem de serviço para a construção de mais um pavilhão da Casa de Prisão Provisória de Palmas (CPPP), na tarde dessa quarta-feira (21), o deputado estadual Valdemar Júnior (MDB) saiu em defesa do Governo, enaltecendo as melhorias na área de segurança pública no Tocantins, e ironizou as críticas do prefeito Carlos Amastha (PSB) sobre a disposição de policiais para fazer a segurança de políticos. "Para aqueles que disseram que falta segurança para a população tocantinense, a resposta veio através do Diário Oficial. Agora nós temos mais seis Policiais Militares para integrar o efetivo da corporação e proteger o cidadão", ironizou o deputado, se referindo à revogação da cessão de seis militares à Prefeitura de Palmas. Quatro portarias foram revogadas pelo chefe da Casa Civil, Télio Leão Ayres. Com isso, os militares vão retornar à corporação. São eles: Albério Batista de Oliveira, Cleyton Alen Rego Costa, João Paulo Procópio Vieira Silva, Gleydson Ranyere Alves Barbosa, Rodrigo Whestphan Barbosa de Jesus e Claudemir Portugal Soares. O único militar que continua cedido à prefeitura de Palmas é o secretário de Segurança Pública e Mobilidade Urbana, major Leonardo Coelho, bombeiro militar de formação. Dentre os militares cedidos, alguns trabalhavam na segurança pessoal de Amastha e nas frentes de articulação e divulgação das informações do gestor, a exemplo de Cleyton Alen, que é oficial da PM. ENTENDA Durante viagem política a Araguaína, no mês passado, Carlos Amastha criticou duramente o quantitativo de policiais na equipe de segurança do governador Marcelo Miranda (MDB). "Policial é para cuidar da população e não de político", criticou. Além disso, o pré-candidato provocou: "O dia que eu, como gestor, precisar andar com dez seguranças é porque estou reconhecendo que sou incompetente para cuidar da segurança do povo", atacou.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.