Concursados

Mais de 800 profissionais formados na UFT são aprovados no concurso da Educação do Tocantins

Curso de Licenciatura em Pedagogia, de Palmas, foi o que mais aprovou.

Por Redação 1.209
Comentários (0)

08/02/2024 15h01 - Atualizado há 1 semana
UFT comemora resultados

Foram aprovados 824 alunos da Universidade Federal do Tocantins (UFT) no último concurso público da Secretaria da Educação do Estado do Tocantins (Seduc), realizado em 2023, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). O certame abriu 5.242 vagas em diversos cargos, desde Professor Regente até Professor da Educação Básica.

O curso de Licenciatura em Pedagogia, ofertado no Câmpus de Palmas, foi o que mais aprovou egressos, seguido do curso de licenciatura em Geografia de Porto Nacional. Para a professora do curso de Pedagogia, Dilsilene Maria, o feito reflete o orgulho e a satisfação do Colegiado pelo sucesso dos egressos no último concurso. Ela destaca, ainda, a trajetória do curso ao longo de 20 anos, com foco nos conhecimentos relacionados ao direito à educação e ao papel da escola como promotora do acesso ao saber sistematizado da humanidade.

Para o pró-reitor de Graduação da UFT, Eduardo José Cezari, a alta aprovação demonstra a qualidade dos cursos, especialmente nas licenciaturas: “Estamos formando os profissionais com qualidade no ensino, na pesquisa, na extensão, capazes de responder às demandas urgentes do momento, que é a melhoria da qualidade do ensino na educação básica e, com certeza, esses mais de 800 candidatos aprovados, egressos da UFT, farão a diferença no desenvolvimento das atividades nas instituições do Estado, nas escolas de educação básica”.

A professora Dilsilene ressaltou ainda, a importância da escola pública como espaço inclusivo e desafiador para pesquisa, inovação e extensão, destacando-a como referência para as reflexões sobre o papel da educação na formação dos sujeitos. Ela ponderou a relevância da escolha dos egressos pela carreira docente na rede pública de ensino como um reconhecimento da importância dessa instituição em sua trajetória educacional.

Para além dessa oportunidade, a educadora enfatiza a diversidade de possibilidades de atuação profissional para os pedagogos: “Cada vez mais observamos nossos egressos ocupando esses diversos espaços, atuando como psicopedagogos na educação especial, com abertura de espaços de acolhimentos de crianças no contraturno, com abertura de escolas particulares, seguindo carreira docente na rede particular, atuando no Judiciário, na Saúde, na Assistência Social e outros”.

Tabela de Aprovação de egressos da UFT no concurso da Seduc - Ascom UFT

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF Notícias. Todos os direitos reservados.