Inquérito Civil

Detran Tocantins é alvo de inquérito do MP por ineficiência na prestação de serviços

A investigação iniciou em março deste ano, mas o inquérito civil só foi instaurado no dia 10 de maio.

Por Agnaldo Araujo 1.451
Comentários (0)

15/05/2019 09h13 - Atualizado há 1 semana
Presidente do Detran, Colemar Câmara.

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) está sendo alvo de investigação devido à ineficiência na prestação dos serviços à população do Tocantins. As reclamações são recorrentes e milhares de usuários já foram prejudicados.

A investigação começou em março deste ano e foi convertida em inquérito civil no dia 10 de maio, sob o comando do promotor de Justiça Edson Azambuja, da 9ª Promotoria de Justiça da Capital.

Segundo o promotor, de forma reiterada, o “Detran vem apresentando inúmeras inconsistências e inoperâncias em seus sistemas de tecnologia de informação, violando os deveres de boa administração”.

O início da investigação coincide com o mês em que a sede do órgão em Palmas foi supostamente atingida por raios pela 2ª vez só em 2019. O primeiro caso foi registrado em janeiro e danificou o quadro de energia da sede. O sistema ficou fora do ar.

Ao agir negligentemente, muitas vezes por meio de omissão, inoperância e inúmeras inconsistências, o Detran afeta diretamente a vida dos indivíduos que têm seus objetivos retardados pela ineficiência do serviço prestado”, disse o promotor de Justiça.

No prazo de 10 dias úteis, o promotor requisitou ao presidente do Detran, Colemar Natal Câmara, documentos sobre os investimentos que foram realizados nos anos de 2016 a 2018 no setor de tecnologia de informação e se existe contrato celebrado para realização de melhorias.

Também solicitou esclarecimentos sobre a realização de algum projeto objetivando o aperfeiçoamento exequível a curto prazo e de forma eficaz do setor de tecnologia de informação do órgão.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.