Palmeirópolis

Escola fundada há mais de 60 anos será transformada em Colégio Militar no sul do Tocantins

Tocantins já conta com outras 11 unidades do Colégio Militar, sendo duas em Palmas.

Por Redação 1.476
Comentários (0)

07/09/2019 09h50 - Atualizado há 1 mês
Essa será a 12ª unidade no Estado

O governador Mauro Carlesse vai lançar mais uma unidade do Colégio Militar nesta segunda-feira (09), em Palmeropólis. A solenidade será realizada às 18 horas na Escola Estadual Professora Maria Guedes.

Ao todo, o Tocantins já conta com outras 11 unidades de colégios militares nos municípios de Palmas (unidades I e II), Araguaína (unidade III), Arraias (unidade IV), Paraíso (unidade V), Araguatins (unidade VI), Gurupi (unidade VII), Guaraí (unidade VIII), Porto Nacional (unidade IX), Colinas (unidade X) e Augustinópolis (unidade XI).

Segundo o Governo, a implantação dos colégios militares é uma demanda das comunidades locais. Atualmente, mais de 8 mil estudantes estão matriculados nas unidades já implantadas, conciliando ensino regular e cursos técnicos à hierarquia, disciplina, civismo e patriotismo, peculiares da formação militar.

A ampliação de oportunidades para os jovens tem sido um grande foco deste Governo. Temos buscado oferecer um atendimento de qualidade e plural, e os colégios militares, assim como modalidades de ensino médio integral, têm sido de grande importância para o fortalecimento da rede estadual de ensino”, frisa a gestora da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), Adriana Aguiar.

Para o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jaizon Veras Barbosa, a parceria entre a Seduc e a PM “tem sido exitosa em diversos municípios do Estado, fazendo com que a qualidade do ensino tocantinense, aliado à hierarquia e disciplina militar, continue a alavancar a educação tocantinense a patamares de excelência”.

Histórico da escola

A Escola Estadual Professora Maria Guedes foi criada em 1958, com o nome de Escola Municipal da Fazenda Itabaiana. No ano de 1976, esta unidade passou a se chamar Escola Estadual de 1º Grau de Palmeirópolis, unificando Ginásio e Primário, e se desligando definitivamente de Paranã.

Em 1982, criou-se 2º Grau, hoje ensino médio, com o curso de Técnico em Contabilidade. Já na jurisdição do Tocantins, a unidade passou a ser nominada como Colégio Estadual de Palmeirópolis. Por fim, em julho de 2015, em homenagem a uma de suas primeiras educadoras, recebeu o nome de Escola Estadual Professora Maria Guedes.

Hoje, a unidade escolar que passa a ser denominada como Colégio Militar Unidade XII – Professora Maria Guedes, possui cerca de 490 alunos matriculados e 43 servidores.

+ Carlesse projeta implantação de mais 19 novas unidades do Colégio da Polícia Militar até 2020

+ Bolsonaro lança programa visando implantar mais de 200 escolas cívico-militares no Brasil até 2023

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.