Elevada carga tributária

Fechamento do Mateus em Palmas frustra expectativa de ter unidade em Araguaína

Por Redação AF
Comentários (0)

07/03/2017 17h33 - Atualizado há 1 mês
O anúncio do fechamento do Hipermercado Mateus em Palmas, além de deixar cerca de 400 trabalhadores desempregados, também frustra a expectativa de implantação de uma unidade do grupo em Araguaína, no norte do Estado. O Mateus é a maior rede de supermercados da Região Norte e Nordeste do Brasil com capital 100% nacional. Em junho de 2015, o grupo havia solicitado à Secretaria de Planejamento, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia a emissão de Licença Prévia e Instalação para a construção do supermercado em Araguaína. O empreendimento ficaria localizado na Avenida Cônego João Lima, nº 931, na Vila Rosário. A expectativa de implantação da loja na cidade surgiu com o projeto de construção do Araguaína Park Shopping, que tem como mentor o prefeito de Palmas, Carlos Amastha. O shopping estava previsto para ser inaugurado em 2014, mas nunca saiu do alicerce e serviu apenas como atrativo para a venda de lotes nas proximidades. Agora, com a crise econômica, o fechamento da loja em Palmas e a presença de outros três grandes atacados em Araguaína, o projeto fica ainda mais longe de se tornar realidade. O Mateus surgiu na década de 1980, em Balsas (MA). Investiu no varejo e se tornou um gigante do ramo com presença também nos estados do Piauí e Pará. O motivo do fechamento em Palmas seria a elevada carga tributária cobrada pelo Governo do Estado.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.