Segurança pública

Governador anuncia novo concurso da PMTO com 650 vagas e criação de batalhões no interior

Novo concurso vai suprir o lugar dos policiais que vão para a reserva.

Por Redação 3.848
Comentários (0)

20/01/2023 10h28 - Atualizado há 1 ano
Solenidade de formatura de 958 novos soldados da PMTO.

A partir de agora, todos os municípios tocantinenses vão contar com policiamento ostensivo para garantir a segurança da população. Um novo concurso da Polícia Militar do Tocantins também será realizado.

O anúncio foi feito pelo governador Wanderlei Barbosa nesta quinta-feira (19), durante a formatura de 958 soldados que vão reforçar a segurança em todo o Tocantins. Já o novo concurso da corporação vai destinar 50 vagas para oficiais e 600 vagas para praças. 

A formação dos novos soldados teve duração de dez meses e carga horária de 1.064 horas/aulas, sendo que o militar foi certificado com diploma de nível superior no curso Tecnólogo em Segurança Pública, ministrado pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins (IFTO). A formação começou com 1.000 alunos, mas 42 desistiram.

Veja também

Novo concurso

O governador Wanderlei Barbosa explicou que o novo concurso vai suprir o lugar dos policiais que vão para a reserva. “Abrimos um novo concurso e vamos analisar juridicamente se temos condições de chamar o cadastro de reserva do atual concurso”, frisou.

Na ocasião também foi lançado o programa ‘Tô mais Seguro’, que visa fortalecer as atividades de policiamento ostensivo executado pela Polícia Militar. O programa envolve efetivo, qualificação e logística.

Unidades Militares

O governador também assinou o Decreto nº 6.564, que cria cinco unidades policiais. Foram criados o 10º BPM, com sede administrativa em Arraias; 11º Batalhão de Polícia Militar, em Dianópolis; 12º Batalhão, com sede administrativa em Taguatinga; 1ª Companhia Independente de Polícia Militar, no distrito de Luzimangues, município de Porto Nacional; 2ª Companhia Independente em Xambioá; e a 7ª Companhia Independente em Alvorada.

Na ocasião, foi realizada a entrega simbólica ao comandante geral da Polícia Militar, coronel Márcio Barbosa, do ‘Kit Destacamento’, que faz parte da reativação do policiamento nos 139 municípios tocantinenses. Foram disponibilizados uma viatura com policial com tecnologia embargada (PM Mobile); um smartphone com chip de internet; um rádio comunicador digital; uma espingarda calibre 12; um computador; uma impressora térmica, coletes balísticos, pistolas calibre .40. 

Wanderlei Barbosa na solenidade de formatura dos novos soldados da PMTO.
Entrega simbólica dos kits para a PMTO.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.