Palmeirópolis

Governador Carlesse vistoria obras na 'curva da morte' e TO-141 entre Tocantins e Goiás

Mais de R$ 25,5 milhões estão sendo investidos nas duas rodovias.

Por Redação 763
Comentários (0)

01/07/2019 17h15 - Atualizado há 2 anos
Carlesse vistoriou as obras de alteração no traçado da TO- 387, conhecido como apertado da hora ou curva da morte

O governador Mauro Carlesse vistoriou na manhã desta segunda-feira, 1º de julho, as obras de alteração no traçado da TO-387, conhecido como apertado da hora ou curva da morte, em Palmeirópolis (TO).

A obra é uma antiga reivindicação dos moradores da região, em virtude dos muitos acidentes ocorridos no trecho em que a rodovia passa pela Serra Dourada.

"Esse é um compromisso que fizemos com essa comunidade e agora estamos dando andamento. É meu jeito de trabalhar, acompanhando o serviço de perto para ver a qualidade e também para cobrar a agilidade que a população espera de nós", disse o Governador.

"Nós agradecemos ao governador pela atenção que tem dado à nossa região e a todo o Estado. Essa obra é um resgate da dignidade da nossa gente, que agora vai passar com segurança nessa estrada", avaliou o prefeito Fábio Vaz.

No local da TO-387, conhecido como Apertado da Hora está sendo realizado o alargamento do aterro, a mudança de traçado de um conjunto de curvas e o aumento do raio da pista de rolamento dentro da curva. Investimento de cerca de R$ 1,5 milhão.

TO-141

Outra obra em andamento na região é o asfaltamento da TO-141, que teve início há cerca de 60 dias. Nesta fase estão sendo construídas as obras de arte, bueiros celulares, em seguida serão construídos os bueiros tubulares e uma ponte. Também estão previstos serviços de terraplenagem e a pavimentação do trecho 26,25 km.

A TO-141 será beneficiada com obras de terraplenagem, drenagem pluvial e pavimentação asfáltica de 26,25 km. A estrada terá pista simples de mão dupla com faixa de domínio de 80 metros.

O contrato Nº 01/2019 que já foi assinado entre a Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto) e o Consórcio Caiapó/Milão/DBO, é no valor de R$ 24.094.055,25 milhões, com prazo de entrega da obra em 540 dias.

Os recursos são provenientes do Projeto de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS), na modalidade pavimentação, financiada pelo Banco Mundial.

Acompanharam o Governador Mauro Carlesse na vistoria o presidente da Ageto, Virgílio Azevedo, o secretário da Infraestrutura, Cidades e Habitação (Seinf), Renato Assunção e o Chefe de Gabinete do Governador, Divino Allan.

Governador disse que esse foi um compromisso feito com a população de Palmeirópolis
No local da TO-387, conhecido como Apertado da Hora está sendo realizado o alargamento do aterro, a mudança de traçado de um conjunto de curvas

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.