PAC 3

Governo Lula anuncia R$ 800 milhões para 2 rodovias, 5 escolas e nova maternidade no Tocantins

Obras serão contempladas pelo novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 3).

Por Redação 1.983
Comentários (0)

02/08/2023 08h21 - Atualizado há 10 meses
Reunião virtural com o ministro Rui Costa

O ministro da Casa Civil, Rui Costa, anunciou as obras que serão contempladas no estado do Tocantins pelo novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 3). Ao todo, o estado será beneficiado com um total de R$ 800 milhões.

As informações foram repassadas ao governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa, durante reunião virtual realizada nesta terça-feira, 1º de agosto.

Por meio do PAC, o Governo Federal garantiu R$ 493 milhões para pavimentação da BR-010, que liga o município de Paranã (TO) ao estado de Goiás; R$ 130 milhões para a construção do Hospital Maternidade de Araguatins; R$ 145 milhões para realizar a obra na BR-235, que liga Guaraí a Pedro Afonso; e R$ 180 milhões para construção de escolas de tempo integral

Na ocasião, o governador agradeceu o presidente Luiz Inácio da Silva e ao ministro Rui Costa por atender às solicitações do Governo do Tocantins destinando um total de R$ 800 milhões de investimento por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

“Quero agradecer ao presidente e ao ministro por terem atendido grande parte das nossas demandas solicitadas a União, e ter destinado recursos para o processo do seu planejamento de trechos rodoviários principalmente em BRs que atravessam o Estado do Tocantins em alguns pontos essenciais. Assim como o Hospital Maternidade de Araguatins, e a construção de pelo menos cinco escolas de tempo integral ", comentou. 

Ainda durante a reunião, o Ministro Rui Costa fez o convite ao governador Wanderlei Barbosa para participar da cerimônia de lançamento do Programa de Aceleração do Crescimento, no próximo dia 11 de agosto, no Rio de Janeiro. O governador confirmou presença. 

“Saimos dessa reunião com um saldo extremamente positivo para o Estado do Tocantins, pois o Governo Federal atendeu boa parte das nossas reivindicações prioritárias. De imediato serão atendidos já as quatro principais propostas, então percebemos que é uma sinalização que a União tem dado naquilo que é de interesse da sociedade tocantinense", destacou Deocleciano Gomes, secretário-chefe da Casa Civil do Tocantins.

Já o secretário do Planejamento e Orçamento do Tocantins (Seplan), Sergislei de Moura, destacou que a BR-010 é provavelmente o maior trecho financiado pela PAC e que a previsão de início da pavimentação será em 2024.

“Inicialmente aqui ficou estabelecido que o maior trecho hoje de recuperação que vai ser financiado com esse novo PAC é a pavimentação do trecho que sai do estado de Goiás até a cidade de Paranã, no Tocantins. Um trecho que já tem uma previsão, já tem projeto, tem licenciamento ambiental. Então provavelmente as obras se iniciam a partir de 2024”, comentou o secretário Sergislei. 

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.