Saúde

Hospital de Amor vai assumir todo o tratamento oncológico do SUS no Tocantins, anuncia governo

Anualmente o governo investe mais de R$ 1 milhão só com passagens aéreas.

Por Redação 4.458
Comentários (0)

20/06/2023 08h36 - Atualizado há 8 meses
Parceria entre Governo do Tocantins e Hospital do Amor proporcionará mais conforto aos pacientes

O governador Wanderlei Barbosa se reuniu com o representante do Hospital de Amor, Henrique Prata, para alinhar os últimos trâmites legais da parceria entre o Governo do Tocantins e a instituição de saúde. O objetivo é garantir atendimento oncológico para a população usuária do Sistema Único de Saúde (SUS).

O encontro ocorreu na Secretaria de Estado da Saúde e teve participação dos secretários da Pasta, Afonso Piva de Santana e Luciano Lima Costa e de representantes da Procuradoria Geral do Estado, Controladoria Geral do Estado, Secretaria de Planejamento e Casa Civil e da Assembleia Legislativa.

“Sabemos do serviço de qualidade que o Hospital do Amor presta aos pacientes oncológicos e temos trabalhado para que a população tocantinense tenha este atendimento, sem a necessidade de ir até Barretos. Isso vai proporcionar conforto às famílias e agilizar o processo de tratamento e recuperação de quem precisa de cuidados”, disse o governador Wanderlei Barbosa.

O secretário de Estado da Saúde, Afonso Piva, destacou que “o acolhimento destes pacientes em solo tocantinense, vai proporcionar economia ao erário público, visto que o Estado do Tocantins investe anualmente mais de R$ 1 milhão só com passagens aéreas e a maioria deste dinheiro é para levar pacientes para tratamento oncológico em São Paulo”.

“Hoje concluímos os projetos em andamento com o Governo do Tocantins. Estamos alinhando a parceria para que o Hospital de Amor responda por todo o tratamento oncológico do SUS no Estado do Tocantins, até o final deste ano. Nossa equipe já está mobilizada para prestar, aqui no Tocantins, o mesmo acolhimento humanizado que fazemos em Barretos”, afirmou o secretário.

O Tocantins conta com duas Unidades de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (UNACONs) habilitadas pelo Ministério da Saúde.  As unidades estão localizadas na macrorregião norte, (Hospital Regional de Araguaína) e na macrorregião Centro Sul (Hospital Geral de Palmas) e um serviço de radioterapia terceirizado, em Palmas.

As UNACONSs do Estado realizaram em 2022, mais de 18 mil procedimentos e quase três mil internações e oferecem tratamento em oncologia clínica, hematologia, cirurgia oncológica, radioterapia e braquiterapia e avaliação e diagnóstico em oncologia pediátrica (HGP).

Os principais tipos de câncer diagnosticados no Tocantins são: mama feminina; próstata; colón e reto; traqueia, brônquio e pulmão; estômago; colo do útero; glândula tireoide; cavidade oral; linfoma de hodgkin e leucemia.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF Notícias. Todos os direitos reservados.