Movimento quer dividir município de Araguaína e justifica: 'gente esquecida e desamparada'

Por Redação AF
Comentários (0)

05/11/2013 09h21 - Atualizado há 2 semanas
<div style="text-align: justify;"> <span style="font-size:14px;">Um movimento intitulado &ldquo;Cidade Nova&rdquo; prop&otilde;e a divis&atilde;o do Munic&iacute;pio de Aragua&iacute;na.&nbsp; Segundo um panfleto atribu&iacute;do aos separatistas, o Rio Lontra seria a linha divis&oacute;ria entre os dois munic&iacute;pios, sendo que os bairros araguainaneses localizados &agrave; margem Sul pertenceriam &agrave; Nova Cidade, que j&aacute; nasceria desenvolvida.<br /> <br /> O argumento utilizado para justificar a divis&atilde;o da cidade &eacute;&nbsp; que a regi&atilde;o a ser emancipada&nbsp; se encontra abandonada pelo poder p&uacute;blico. <em>&ldquo;Mas a gente esquecida e desamparada nas suas necessidades b&aacute;sicas e essenciais reagiu ao esquecimento e agora exige respeito e mudan&ccedil;a do seu destino daqui para frente,&rdquo;</em> justifica a mensagem.<br /> <br /> <u><strong>Nova Cidade</strong></u><br /> <br /> O panfleto tamb&eacute;m idealiza os benef&iacute;cios &agrave; popula&ccedil;&atilde;o da regi&atilde;o com a cria&ccedil;&atilde;o da Nova Cidade. <em>&ldquo;...J&aacute; nasce moderna, forte e pronta para o desenvolvimento. Ent&atilde;o, vamos dividir para melhorar. Assim fica melhor para as duas cidades,&rdquo;</em> argumenta.&nbsp; O movimento se baseia no par&aacute;grafo 4&ordm;, do art. 18, da Constitui&ccedil;&atilde;o Federal, segundo o panfleto.<br /> <br /> <strong><u>Cr&iacute;tica</u></strong><br /> <br /> Para o vereador Divino Beth&acirc;nia, o movimento n&atilde;o tem legitimidade e argumentou que a divis&atilde;o de um munic&iacute;pio s&oacute; pode ser realizada se houver um Plebiscito. Ele ainda chamou a proposta de ilus&oacute;ria e classificou os l&iacute;deres (sem identifica&ccedil;&atilde;o at&eacute; o momento) de oportunistas, acrescentando ainda que s&atilde;o pessoas que n&atilde;o t&ecirc;m o que fazer.<br /> Ato P&uacute;blico</span><br /> <br /> <span style="font-size: 14px;">O pontap&eacute; inicial para a cria&ccedil;&atilde;o da Nova Cidade est&aacute; marcado para as 8h00 do dia 14 de novembro, data do anivers&aacute;rio de Aragua&iacute;na, quando a BR-153 ser&aacute; interditada nas proximidades do Bairro de F&aacute;tima, segundo anunciado.&nbsp; Caso aconte&ccedil;a a divis&atilde;o, a Nova Cidade ser&aacute; formada por Bairros como o Nova Aragua&iacute;na, Daiara, Vila Azul I e II, Loteamento Lago Sul, Barra da Grota e Novo Horizonte. O panfleto n&atilde;o revela os nomes dos lideres do movimento.</span></div>
ASSUNTOS

Comentários (0)

Mais Notícias

De Figueirópolis

Professor do Tocantins vence prêmio nacional com projeto sobre esportes

O objetivo do prêmio é reconhecer o trabalho dos professores que contribuem para a qualidade da educação básica.

Investigação

PF prende médico no Tocantins em operação que investiga corrupção na Saúde

Mandados também estão sendo cumpridos em São Luís (MA), Imperatriz (MA), Parauapebas (PA), Brasília (DF) e Goiânia (GO).

Estado

Bunge Açúcar e Bioenergia abre vagas para jovens engenheiros no Tocantins

As inscrições vão até o dia 9 de novembro.

Nesta quinta, 18

Vagas de emprego para manicure, mecânico, porteiro, zelador e vendedor

As vagas são para todos os níveis de escolaridade e estão distribuídas em nove cidades do Estado.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.