Em Porto Nacional

MPTO investiga gravação de DVD de Henrique e Juliano que reuniu centenas de pessoas

Promotor apura violação de regras sanitárias contra a covid-19.

Por Redação 1.157
Comentários (0)

12/07/2021 17h38 - Atualizado há 11 meses
Henrique e Juliano

O Ministério Público do Tocantins (MPTO) instaurou, nesta segunda-feira (12), um procedimento para apurar as circunstâncias da realização de um show da dupla sertaneja Henrique e Juliano a zona rural de Porto Nacional.

Conforme a Promotoria de Justiça, as imagens do evento, que ocorreu nesse sábado (10) na fazenda dos cantores, mostram centenas de pessoas aglomeradas em aparente violação às regras sanitárias.

O show ocorreu para gravação do sétimo DVD da carreira de Henrique e Juliano. O novo projeto conta com 15 faixas inéditas produzidas por Eduardo Pepato.

O Município de Porto Nacional foi oficiado pelo MPTO para informar se houve concessão de alvará ou de qualquer outra espécie de autorização para a realização do evento; em caso de resposta positiva, se houve estudo para verificar a viabilidade do evento sem risco à saúde pública, bem como as providências tomadas no local para minimizar eventuais riscos de contágio da covid-19.

Além disso, a 7ª Promotoria de Justiça de Porto Nacional requereu informações sobre a realização de fiscalização por parte do poder público, devendo ser comunicado se houve alguma violação sanitária no local e as eventuais providências adotadas contra os organizadores do evento.

O promotor de Justiça Luiz Antônio Francisco Pinto salienta a evidente aglomeração de pessoas no local e considera que, independentemente de ter havido autorização da prefeitura, as condições do show caracterizam violação de regras sanitárias.

Há um esforço hercúleo dos poderes públicos e da sociedade civil para diminuir as consequências da covid-19 e não é razoável supor que fiquem impunes pessoas que supostamente colocam em risco a saúde pública, mormente quando a motivação é o mero interesse econômico”, afirma.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.